Seguidores

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Hatshepsut a Mãe adotiva de Moisés

A Mãe adotiva de Moisés era uma rainha egípcia pagã, guerreira e adoradora de Horus e Amon-Ra.

Por: sao163877
Fonte: Wikpedia, egypttravelsearch, osdezmandamentos.com.br

E foi um homem da casa de Levi (Anrão) e casou com uma filha de Levi (Joquebede).

Joquebede concebeu e deu à luz um filho (Moisés); e, vendo que ele era formoso, escondeu-o três meses para que não fosse morto pelos soldados do faraó. Não podendo, porém, mais escondê-lo, tomou uma arca de juncos, e a revestiu com barro e betume; e, pondo nela o menino (Moisés), a pôs nos juncos à margem do rio.

Sua irmã (Miriã) postou-se de longe, para saber o que lhe havia de acontecer, e viu então a filha de Faraó (Hatshepsut - mãe adotiva de Moisés) descendo para lavar-se no rio e suas donzelas passeando, pela margem do rio; Hatshepsut viu então a arca no meio dos juncos, e enviou a sua criada, que a tomou. E abrindo-a, viu ao menino e eis que o menino chorava; e Hatshepsut moveu-se de compaixão dele, e disse: Este bebê é hebreu. Então disse Miriã (irmã de Joquebede, mãe biológica de Moisés) à filha de Faraó: Irei chamar uma ama das hebreias, para que crie este menino para ti? E a filha de Faraó disse-lhe: Vai.

Foi, pois, a moça, e chamou a mãe biológica de Moisés (Joquebede). Então lhe disse a filha de Faraó: Leva este menino, e cria-mo; eu te darei teu salário. E a mulher (Joquebede, mãe biológica de Moisés) tomou o menino, e criou-o. E, quando o menino (Moisés) já era grande, ela (Joquebede) o entregou à filha de Faraó (Hatshepsut), a qual o adotou; e chamou-lhe Moisés, e disse: Porque das águas o tenho tirado.

Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés) - Era a quinta governante egípcia da XVIII Dinastia, filha de Tutmosis I e da rainha Ahmose. Como era comum nas famílias reais do Egito Antigo, Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés) casou-se com seu meio-irmão, Tutmosis II, que tinha um filho de outra mulher.

Quando Tutmosis II morreu, em 1479 a.C., seu filho, Tutmosis III, foi nomeado para o trono. Mas Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés), tornou-se regente porque o herdeiro ainda era criança. Os dois (Hatshepsut e Tutmosis III) governaram juntos até 1473 a.C., quando Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés) declarou-se faraó.

Vestida como homem, Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés) administrou a nação com total apoio do alto sacerdote de Amon, Hapuseneb, e de outros dignitários do reino po 20 anos. Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés) morreu em 1458 a.C., quando Tutmosis III liderou uma revolta para reaver seu trono faraônico.

Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés) foi enterrada no vale das Rainhas em Luxor - Egito. O Templo de Hatshepsut foi projetado pelo arquiteto do reino, Senenmut, que era ministro e, possivelmente, amante da rainha. A construção é composta de três terraços, cujas paredes são adornadas com belos relevos. Algumas dessas obras ainda estão conservadas em suas cores originais.

Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés), foi uma rainha egípcia pagã. Era guerreira, forte, governou o Alto e o Baixo Egito se vestindo de homem e sendo retratada em muitas pinturas dos templos com barba e cajado.

Seu templo chamado “templo dos dez mil anos” chama-se Deir-el-Bahari, fica em Luxor, e o OBELISCO, um dos maiores do Egito, se encontra em Karnac. Nas quatro caras do OBELISCOHatshepsut mandou desenhar mensagens impondo e consagrando o seu nome a Horus e Amon-Ra.




















Templo de Mentuhotep Nebhepetra

1. Bab el Hosan
2. Grand Terrace
3. Mastaba
4. Andanças
5. Capela de Hathor
6. Pátio peristilo
7. Salão Hypostyle
8. Capela

Templo de Hatshepsut (Mãe adotiva de Moisés)

1. Primeiro terraço
2. Segundo terraço
3. Pórtico Norte
4. Ocidente Porch
5. Capela de Anubis
6. Capela de Hathor
7. Terceiro terraço
8. Capela Horajty
9. Capela Funeral de Tutmés I
10. Hatshepsut ofertas câmera
11. Santuário

Na cara norte, foi traduzido o seguinte:
"Horus, uma mulher jovem de anos, poderosa de KA, senhora das duas terras, MAAT KA RA, constrói este belo monumento, que ficara por milhões de anos unido á vida, a estabilidade e ao poder, em homenagem a Amon-Ra, deus dos deuses".

Na cara leste, tem algumas das mesmas inscrições com acréscimo do nome do pai de Hatshepsut: Tutmosis I, que diz: "…pela majestade deste deus, e de acordo com ele, se erguem dois obeliscos, para que a majestade viva eternamente iluminando as duas terras”

Na cara oeste, as mesmas declarações dizendo que são dois obeliscos maiores como não tem outros na terra. Foi feito por Hatshepsut, a quem é dada a vida eterna como Rá.

Na cara sul, MAAT KA RA imagem brilhante de Amon, senhora do circuito do disco solar, poder e alegria perante a vida de Hatshepsut, amada de Amon-Ra, deus dos deuses, a quem é dada vida eterna.

Quando Tutmosis III assumiu o trono, mandou destruir quase todas as lembranças da rainha faraó.

Saiba mais:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Hatshepsut
http://www.egypttravelsearch.net/Temple/Deir_El_Bahari_Temple.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Horus


www.amigosdebolso.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar e indicar o Apocalipse Now.