Seguidores

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Papa Francisco é advertido sobre um possível ataque contra sua vida!

Francis Pope is warned of a possible attack on your life!

Francesco Papa è avvertito di un possibile attacco alla vostra vita!
Francis Papa advirtió de un posible ataque a su vida!


22/04/2014 - Jucelino Luz, envia carta registrada ao Papa Francisco (em 22/04/2014) alertando-o para um possível ataque terrorista contra a sua vida. Jucelino pede cuidado e atenção redobrada do Papa, em suas viagens ao exterior e até mesmo em Roma!

Alguém quer matar o Papa. As ameaças são reais", disse Jucelino Luz em uma das cartas enviadas. Eu estou preocupado porque ele é uma pessoa muito boa e humilde .Um exemplo , para toda a humanidade. 

A ameaça ao Papa é ainda mais grave. "Quero deixar claro que não tenho nenhum conhecimento sobre os futuros planos dos terroristas. Mas, por via de regra, seria melhor o Papa Francisco se cuidar melhor; inclusive, de sua saúde que não está muito boa, diz Jucelino Luz.

Veja aqui a cópia da carta enviada ao Papa


17/09/2014 - Notícia publicada no mundo inteiro, confirma a previsão de Jucelino Luz:
Estado Islâmico quer matar papa Francisco, diz embaixador
Por Redação Yahoo! Brasil | Yahoo Notícias – quarta , 17 de set de 2014




O papa Francisco tem sofrido ameaças e estaria entre os próximos alvos do Estado Islâmico (EI). Quem fez tais afirmações foi Habbed Al Sadr, embaixador do Iraque junto à Santa Fé.

"O autoproclamado Estado Islâmico foi claro: eles querem matar o Papa. As ameaças são reais. Quero deixar claro que não tenho nenhum conhecimento sobre os futuros planos dos terroristas. Mas a regra do Estado Islâmico é clara: ou a pessoa se converte à religião deles ou morre. Com o Papa, a morte seria a única opção que eles dariam", afirmou o iraquiano ao italiano La Nazione.
Essa não é a primeira ameaça do EI ao Ocidente nesta semana. Segundo fontes próximas à organização, a Casa Branca estaria entre os próximos alvos do grupo.
Fonte : Yahoo Brasil 

Fonte: http://www.jucelinodaluz.com.br

Quatro Luas de Sangue, sinais da vinda de Cristo.

Four Moons of blood, signs of Christ's coming.


Os sinais celestes (incluindo as quatro luas de sangue) são a prova de que "um evento que irá abalar o mundo, Está para acontecer !" Estamos vivendo o relógio profético de Deus e devemos estar atentos aos fatos atuais e vindouros, pois estas são as dores de parto da vinda do Messias!


A aparição das luas de sangue no início deste ano ainda rende discussões no meio cristão, e agora um teólogo afirma que o período da Grande Tribulação descrito no Apocalipse se iniciará em 2015.

Mark Biltz é um teólogo, pastor e estudioso sobre profecias, e acredita que há sinais claros que estão no céu e na terra de que a Grande Tribulação começará em um ano, no máximo. Para ele, a aparição da primeira lua de sangue na última Páscoa marcou o início do processo.

15/04/2014 - Veja imagens do Eclipse "Lua de Sangue" no G1

Desde 2008 ele vem fazendo o que ele chama de “alerta para a Igreja”, através das quatro luas de sangue em datas proféticas entre 2014 e 2015, segundo informações do portal Noticia Cristiana.

Judeu, Biltz passou anos estudando as profecias de Gênesis sobre o sol e a lua, onde a Bíblia afirma que as luzes no céu serviriam como “sinais para as estações do ano”. “O termo hebraico significa que ele não é apenas um sinal, mas um sinal da Sua vinda”, explica Biltz, que explica que a palavra traduzida como “estações” tem o significado de “certo tempo”, o que significa que as celebrações do feriado estabelecidas por Deus no Antigo Testamento seguem o calendário lunar adotado por judeus.

15/04/2014 - Eclipse total transformou deixou a lua cor de sangue na madrugada desta terça- feira

“Os eventos são agora fora de controle”, escreveu o pastor em um artigo. A lista destes “eventos”, inclui ataques contra os cristãos por muçulmanos radicais como Estado Islâmico e Boko Haram. Ele também menciona o surto de Ebola na África, que afeta pelo menos cinco países e ameaça tornar-se uma epidemia continental.

O pastor afirma que, embora com menos espaço na mídia, os ataques terroristas em Jerusalém têm crescido exponencialmente nos últimos meses, de acordo com o Serviço de Segurança de Israel (Shabak).

Em um estudo sobre terremotos, o aumento dos tremores que atingiram mais de 6 pontos na escala Richter foi confirmada. 116 terremotos ocorreram este ano, 70 deles durante a primeira lua do sangue. Ou seja, em 2014, um crescimento médio superior a quatro vezes em relação aos grandes terremotos na última década.

Biltz diz ainda não ter dúvidas de que estas são “as dores de parto da vinda do Messias”, e afirma que estamos vivendo o relógio profético.

O New York Daily News entrevistou o pastor John Hagee, fundador da Cornerstone Church em San Antonio, Texas, autor de  "Quatro Luas de Sangue". Hagee acredita que os sinais celestes são a prova de que "um evento está para acontecer e irá abalar o mundo."

Fonte: http://www.wnd.com/2014/04/blood-moons-spark-talk-of-apocalypse/



quinta-feira, 4 de setembro de 2014

ONU das religiões, Shimon Peres propõe criação da

"A Organização das Nações Unidas teve seu tempo e, agora, o que vejo é uma ONU das religiões, uma Organização das Religiões Unidas"

Fonte: http://www.novusordowatch.org


Shimon Peres e Papa Francisco
O papa Francisco recebeu nesta quinta-feira (04/09/2014) no Vaticano, o ex-presidente de Israel Shimon Peres, que ao longo do encontro, sugeriu ao pontífice a criação de uma Nova Organização de Religiões Unidas - algo como "uma ONU das religiões", como ele mesmo descreveu.

Em entrevista à revista "Famiglia Cristiana", realizada antes do encontro com o papa Francisco, Peres afirmou que pretendia abordar essa questão junto ao pontífice durante o encontro na Casa de Santa Marta, onde vive o Santo Padre.

Leia também: Unificação das Igrejas, Fim do Protestantismo

"O Santo Padre é um líder respeitado por tantas pessoas de várias religiões e por seus expoentes. Bom, acho que é o único líder verdadeiramente respeitado. Por isso, me veio esta ideia de propor isso a Francisco", explicou Peres.

"A Organização das Nações Unidas teve seu tempo e, agora, o que vejo é uma ONU das religiões, uma Organização das Religiões Unidas", disse Peres, que completou: "Seria a melhor maneira para acabar com o terrorismo que mata em nome da fé, já que a maioria das pessoas pratica suas religiões sem matar ninguém".

Peres, de 91 anos, explicou que a atual ONU é "um organismo político, mas que não tem a mesma convicção vinculada às religiões". Segundo ele, qualquer declaração de seu secretário-geral (da ONU) "não tem a mesma força e nem a eficácia de uma homilia do papa, que reúne mais de 500 mil pessoas na Praça de São Pedro".

Além de sugerir a criação da "ONU das religiões", Peres também abordou a atual situação entre palestinos e israelenses com o papa.

Previamente, o escritório de imprensa de Peres havia explicado que eles abordariam as possíveis vias para conseguir a paz no Oriente Médio e "as respostas necessárias à onda de terrorismo na região, que utiliza a religião como justificativa para a violência e o extremismo".

Peres e o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas tinham participaram da jornada da oração pela paz no Oriente Médio, organizada pelo pontífice no último dia 8/06/2014 no Vaticano.




www.amigosdebolso.com.br