Seguidores

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Controle de fiéis por reconhecimento facial. Apocalipse? ou Evolução?

Não há dúvidas de que estamos vivendo realmente o final dos tempos! A matéria abaixo, trata sobre um novo sistema informatizado que está sendo oferecido às Igrejas, para controlar a presença dos fiéis nos cultos. Controlar a presença dos membros através do Rastreamento facial já é possível e está sendo utilizado por muitas Igrejas.


Fonte: http://www.washingtonpost.com/
Tradução: Google Translate

Será que a Igreja vai virar um Big Brother? 


Uma empresa de software está agora fornecendo às igrejas um software de reconhecimento facial para controlar melhor quem aparece nos cultos.

"Identifique Membros que assistem aos seus cultos ou eventos"





FALTOU AO CULTO? DEUS ESTÁ VENDO E O COMPUTADOR TAMBÉM!

Controlar manualmente a presença dos fiéis é uma tarefa árdua para as igrejas, especialmente as grandes que têm múltiplas entradas e vários departamentos. Agora uma empresa chamada Churchix fornece software de reconhecimento facial, que capta o rosto de alguém através de uma foto ou vídeo e em seguida, identifica-o, comparando-o com fotos previamente armazenadas em bancos de dados. Atualmente usado pelo Facebook , Aplicativos de namoro e nos semáforos de trânsito, o software é cada vez mais comum em todas as interações do dia.

Moshe Greenshpan, fundador e CEO da empresa israelense de reconhecimento facial Skakash, disse que os clientes do sua subsidiária Face-Seis incluem aeroportos, agências e cassinos. Após uma Igreja Internacional encomendar um serviço semelhante, eles decidiram lançar em fevereiro o Churchix, uma companhia projetada para ajudar especialmente as igrejas.

Greenshpan disse que cerca de 40 igrejas já contrataram o sistema, sendo oito delas nos Estados Unidos (o nome dessas Igrejas não foi revelado). Ele também se recusou a dizer quanto estas igrejas pagaram pelo software. Ele disse que as igrejas que adquiriram o software possuem de 100 a 3.000 membros.

A igreja fará o upload de fotos dos seus membros para o banco de dados, utilizando câmeras de segurança, que eles normalmente já têm instaladas e depois compararão o vídeo com as fotos armazenadas. Essas Igrejas poderão usar o sistema para controlar a assiduidade ou ver o quem está faltando aos cultos.

"É simples para ver se um membro não está participando de três ou quatro eventos. Em seguida, os líderes da Igreja podem telefonar para o membro e dizer algo como: 'Posso contar com você no domingo? " disse Greenshpan.

O Software também pode ser usado como uma ferramenta de captação de doações, disse Greenshpan. "Se um membro é identificado como frequentador assíduo dos eventos, os líderes poderão sentir-se mais confortáveis em telefonar para pedir-lhe donativos".

Ou os líderes podem ainda barrar alguém que tenha causado problemas ou interrupções no passado.
Greenshpan disse que ele geralmente vê dois tipos de respostas para a ideia do software de reconhecimento facial nas igrejas. A maioria das igrejas já mantém o controle de presença de alguma forma, por isso alguns oficiais da igreja estão até entusiasmados, ao descobrirem um sistema automatizado. Mas muitos membros, disse Greenshpan, sentem que sua privacidade pode ser comprometida. Ele aconselha as igrejas a serem transparentes, pedindo permissão aos membros para registrarem suas fotos, mas a maioria das igrejas  está usando o Churchix software sem o conhecimento de seus membros, ele disse.

"Pensamos que o reconhecimento facial vai ser normal," disse Greenshpan. "E como a tecnologia melhora, torna-se mais barato."

A maioria das igrejas tem um banco de dados para manter o controle de seus membros, disse Scott Thumma, diretor do Instituto de Hartford, na religião, que se concentra na investigação de mega igreja. Quando ele pesquisou junto a congregações de todos os tamanhos e tradições religiosas em 2005, descobriu que 72% das igrejas já usavam algum software para acompanhar ou controlar a frequência dos membros.

Quando Ana fez a mesma pesquisa a nível nacional abrangendo mega igrejas, em 2005, descobriu que 99% das mega igrejas possuíam um banco de dados informatizado que contém os nomes e endereços dos membros ou participantes em comparação com 95% das igrejas que tinham também um Web site congregacional. Muitos dos bancos de dados dos membros incluem fotos, disse Thumma.

Thumma disse que não conhece nenhuma mega igreja que use o software de reconhecimento facial, mas elas possuem inúmeras câmeras de segurança e pessoas que são treinadas para ter uma noção de quantas pessoas estão na igreja. Parte do atrativo de uma mega igreja é que você pode andar por ela sem ninguém notar, ele disse.

"Eu não acho que o software de reconhecimento facial será bem vindo pelos membros Porque age como 'Big Brother'", disse Thumma. "Já temos um Deus que tudo vê, não temos certeza se queremos um pastor onisciente."

Dois dos desafios que enfrentam muitas mega igrejas é encontrar maneiras de criar responsabilidade, senso de integração ou responsabilidade a uma igreja e criando uma sensação de intimidade, para que a Igreja compreenda necessidades individuais e como as pessoas estão a progredir na sua fé. A maioria das mega igrejas, não desejam invadir a privacidade usando o software em seus cultos e em vez disso, criam pequenos grupos e ministérios para conhecerem os hábitos dos seus membros.
"Quanto maior a multidão, mais permeável é sua fronteira, as pessoas podem entrar e ser mais ou menos anônimo," Thumma disse. "Para seus líderes, é sempre um desafio porque não querem que seu povo seja apenas espectadores."

A maioria das igrejas que têm bases de dados, controlam se os membros estão em pequenos grupos, grupos de jovens, ministérios e outras áreas da igreja. Oficiais da igreja treinam as pessoas que estão no comando de classes de escola dominical ou liderando um ministério para rastrear ou controlar a quem aparece. A informação é frequentemente adicionada a um banco de dados maior para medir-se então a faixa de engajamento da igreja.

"Se uma congregação não tem esses tipos de ferramentas, muitas vezes tecnologicamente avançadas, como é que eles sabem se os 5.000 ou 10.000 pessoas que aparecem estão fazendo mais do que apenas vindo para um show de domingo de manhã?", Disse Thumma. "Você não pode medir a maturidade espiritual de centenas de pessoas visualmente ou em sua cabeça."

Como a tecnologia evolui rapidamente, aquilo que hoje parece estranho se tornará normal amanhã. Na década de 1990, a ideia de marketing por parte da igreja dirigida a pessoas específicas através de divulgação ou publicidade, foi vista como estranho, mas agora é bastante comum, disse Kent Shaffer, fundador da Openchurch.com, um site que incentiva a criação da Igreja digital. Dar ao Facebook suas informações pessoais ou ver anúncios personalizados do Google foi inicialmente visto como uma invasão de privacidade, mas agora é aceito.

Ainda assim, Shaffer disse que o software de reconhecimento facial vai enfrentar desafios específicos entre os fiéis.

"Porque o conceito de software de reconhecimento facial traz ao subconsciente subjacente de que isso é errado, porque é um substituto inautêntico dos relacionamentos entre pessoas ", disse Shaffer. "Imagine," E então os apóstolos entrando na Igreja, e seus rostos sendo digitalizados. "Parece que eles perderiam a autenticidade."

A opinião pública, no entanto, muda muito rapidamente assim com as pessoas se adaptam a novas formas de vida, a assistir a um pastor dar um sermão pela TV.

"O que antes parecia chocante irá gradualmente parecer normal", disse ele. "Em última análise, nós estamos caminhando para ver este tipo de tecnologia se tornar muito mais difundida."

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Thalles Roberto - "Um homem acima da média"

Caio Fábio manda recado para Thalles Roberto.

Caio Fábio
Caio Fábio
Sei por diversas pessoas que Thalles Roberto me ouve e gosta de mim; O que está faltando é a gente conversar... Porque meu filho, você precisa de ajuda!

Como é que um cara como você, resolve lançar uma bíblia? O que você sabe de bíblia meu filho? De "Thalleco" ainda pode ser, mas de bíblia?

Então, para com isso! você precisa de alguém, de um Pai, de um Pastor, de uma pessoa que diga: Para de bobagem!

Para! Para... Quer ser cantor? vá cantar! Não precisa se comparar com ninguém! e nem fazer despedida...

Vá cantar! Você não está inaugurando uma Era não!

Quantas pessoas que fizeram carreira nesse meio Religioso, Gospel Musical, foram em bora cantar outros tipos de música.Eu acho que todo mundo que quer ter banda e que ganha milhares e milhares de reais em cultos (eu vi aí uma banda que para ir a uma igreja cobra R$300.000,00! O pessoal da Igreja Lagoinha cobra de Cento e poucos mil, Duzentos mil, para cima! fora um monte de outras coisas! no nível dos grandes aí de fora (ditos seculares)) e tudo isso é em nome de Jesus! para edificar e adorar! o que para mim, é blasfêmia! é horrível! é nojento!

Então, vai cantar à vontade! vai ser mais digno do que ficar aí em Igrejas pegando dinheiro dos crentes e tirando essa onda! no meio dessa mediocridade mesmo total!

Vai lá cantar... E se quiser, tem milhares de pessoas que podem fazer você se aproximar de mim.
Vamos nos sentar e conversar; Eu gostaria que você aprendesse a se "desidiotizar", porque você se idiotizou! e ficou com a alma arrogante! soberba! altiva! tola! patética!

Você deve gostar de me ouvir, porque eu digo coisa com coisa! Mas, quem me dera você praticasse o evangelho! para ser salvo das realidades absolutamente embabacantes nas quais você tem se metido meu filho...

Qualquer coisa fala aí, tá bom?

Assista o Vídeo:

sábado, 18 de julho de 2015

Thalles Roberto reconhece seu erro e pede Perdão.

Thalles Roberto reconhece seu erro e pede Perdão

Perdoem-me, sou falho, sou homem; Não foi essa a minha intenção. Meu próximo projeto é cantar para todos (referindo-se à carreira secular).

Thalles Roberto
Thalles Roberto
Pessoal, estou aqui para gravar esse vídeo para vocês, para falar sobre tudo isso que aconteceu (a polêmica), que envolveu o Brasil aí... Sobre essa decisão e essa visitação que o Espírito Santo fez, que ele fez comigo e transformou a minha história, a minha mente e tudo o que eu estava pensando; Deus vem me direcionando para coisas novas...

Mas primeiramente eu queria lhe pedir perdão! Perdão porque... se você assistiu o vídeo inteiro, você vai ver que eu estava falando de mim. Quando eu falo: Isso aí é fácil fazer! Essa música qualquer um faz! eu estava falando de mim, eu estava desafiando a mim a partir...

Mas, soou que eu estava desvalorizando os meus irmãos, cantores da música gospel, pessoas da Igreja, Pastores que eu amo; Então a nobreza de um homem cristão! como eu, um homem de Deus, é pedir perdão. Perdoe! é... no afã de falar sobre o que Deus estava me mandando fazer eu posso ter me equivocado sim! sou um homem falho, não foi essa a minha intenção.

Agora eu quero falar sobre o meu projeto:

1 - Na sala do Pai,
O filho sai fora, e entra para a sala do Pai. Lugar de conversa, ele conta para o Pai de onde ele veio.

2 - História escrita pelo dedo de Deus,
Depois de entrar na sala do Pai, o filho tem sua história escrita pelo dedo de Deus. Deus só mexe na sua história depois que você se entrega.

3 - Cheio do Espírito Santo,
Depois da história escrita, o filho é então cheio do Espírito Santo.

4 - Ide,
Depois de ser cheio do Espírito Santo, Ide (é o meu novo trabalho agora).

5 - Luz,
Depois do Ide, eu quero fazer o projeto Luz. 

O que é o projeto Luz? Eu fui não fui? 
Agora eu quero cantar para as pessoas lá de fora. Para aqueles que nunca ouviram a palavra, para aqueles que não têm acesso à palavra de Deus.

Nunca vou deixar de adorar o meu Deus!
Nunca vou deixar de glorificar a Deus!
Porque tudo o que eu tenho, eu consegui cantando a música gospel.
É a minha vida! a minha família, meu Pai era Pastor, eu vim da Igreja.
Os perdidos que eu ganhar eu vou levar para a Igreja.
A Igreja é minha vida! eu amo a Igreja!
Eu amo as pessoas! eu amo meus irmãos!

Deus abençoe vocês, esse é o meu projeto de vida. Então, eu vou fazer? é...
Meu próximo projeto, eu vou cantar para todos, para levar o evangelho do Reino do Senhor Jesus; Foi isso que Deus me mandou fazer.

Amo vocês!

Sejam cheios do Espírito Santo.



quinta-feira, 18 de junho de 2015

HOMOSSEXUALISMO - É certo condenar ou bater de frente?

O que o Apóstolo Paulo e o nosso Senhor Jesus Cristo têm a dizer sobre o pecado e o domínio dos pecadores sobre a face da terra? Ou melhor: O que devemos saber antes de julgar e condenar alguém que pratica aquilo que no nosso entendimento, é errado e pecaminoso?

ROMANOS 1 AO 6 – Será que você entendeu?

O texto abaixo foi literalmente extraído da Bíblia (expecificamente dos livros aos Romanos, do capítulo 1 ao capítulo 6) e contém algumas pequenas anotações (normalmente colocadas entre parênteses), para que haja melhor entendimento e reflexão por parte do leitor.

Meu desejo é que você Imprima e leia atentamente este estudo, e que você entenda o que a bíblia diz sobre este assunto tão polêmico que é o homossexualismo, percebendo então qual deve ser o seu posicionamento em relação a este assunto ou qualquer outro tipo de pecado ou pecador

BOA LEITURA!



Aos "santos acusadores" a Bíblia diz:

Todos os que estão em pecado e praticam o pecado, assim como tu ó “homem santo”, também são amados de Deus e chamados para serem santos um dia.

Devemos amar (levar o evangelho = Amor), tanto a gregos como a bárbaros, tanto a "sábios" como a "ignorantes". De modo que se Deus está em nós, temos que estar preparados para anunciar o amor (o evangelho) até mesmo aos pecadores. Porque eu Paulo, não me envergonho do amor (que é o evangelho), pois ele é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu (que aqui representa aquele que serve a Deus), e também do grego (que aqui representa aquele que não serve a Deus).

Porque no amor (que é o evangelho) é revelada, de fé em fé, a justiça de Deus, como está escrito: Mas o justo (que aqui representa aquele que manifesta o amor a toda criatura) viverá da fé. (Romanos 1:1-17)

A IRA DE DEUS SOBRE OS QUE AMAM A LEI E QUE JULGAM OS PECADORES

Pois do céu é revelada a ira de Deus contra toda a impiedade e injustiça dos homens (homens que julgam) que detêm a verdade em Injustiça (homens que se tornam injustos e julgadores em nome da “verdade” que acreditam possuir). (Romanos 1:18)

Porquanto, o que de Deus se pode conhecer (seus atributos que são Amor, Ira, Misericórdia, Paciência, Trindade, Fidelidade, Independência, Eternidade, Imutabilidade, Infinitude, Justiça, Boa vontade, Liberdade, Bondade, Onipotência, Onipresença, Onisciência, Santidade, Simplicidade, Soberania, Unidade, Verdade), neles (nos homens pecadores e nos homens santos) se manifesta (ou seja, todos são criação de Deus), porque Deus assim determinou.(Romanos 1:19)

Pois os atributos de Deus, o seu eterno poder e divindade, são claramente vistos desde a criação do mundo, sendo percebidos mediante as coisas criadas (que são os Homens santos, os Homens pecadores e tudo que no mundo há), de modo que eles (os julgadores que se tornam injustos na ânsia de fazer justiça através da lei) são inescusáveis (são imperdoáveis);(Romanos 1:20)

Porquanto, tendo (estes homens “santos”) conhecido a Deus (que é: Amor, Misericórdia, Paciência, Fidelidade, Liberdade, Bondade, Vontade, Unidade, Verdade, Simplicidade, Trindade, Independência, Eternidade, Imutabilidade, Infinitude, Justiça, Onipotência, Onipresença, Onisciência, Santidade,  Soberania e Ira ), não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes nas suas especulações (nos seus entendimentos) se desvaneceram (se encheram de orgulho e razão), e o seu coração insensato se obscureceu (se tornou mal e incapaz de amar o pecador). (Romanos 1:21)

Os que julgam e condenam os pecadores, Dizendo-se sábios (conhecedores), tornaram-se estultos (tolos, sem conhecimento), e mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis (ou seja, passaram a crer e ensinar que Deus é semelhante ao homem: Mal, Injusto, Mentiroso, Vingativo, Assassino, Cruel e etc...). (Romanos 1:22,23)

MAS E OS "PECADORES"? AQUELES QUE VIVEM NO PECADO E DELE NÃO SE ARREPENDEM? A BÍBLIA NÃO DIZ QUE JÁ ESTÃO CONDENADOS?

Parada Gay de São Paulo 2015 - Homem introduz objeto sacro no ânus em plena Avenida Paulista
Parada Gay SP 2015 - Home Introduz objeto sacro no ânus
Está escrito: Por isso Deus os entregou (os pecadores), nas concupiscências (nos desejos, inclinações, tendências) de seus corações à imundícia (ao pecado), para serem os seus corpos desonrados entre si; (Romanos 1:24

pois trocaram a verdade de Deus pela mentira (pelos prazeres carnais), e adoraram e serviram à criatura (ao Homem, à carne) antes que ao Criador, que é bendito eternamente. Amém. (Romanos 1:25)

Pelo que Deus os entregou a paixões infames (insestos, pedofilia, homossexualismo). Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural no que é contrário à natureza (tornaram-se lésbicas); (Romanos 1:26)


semelhantemente, também os varões (os homens), deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros (tornaram-se homossexuais), varão com varão, cometendo torpeza (baixaria, descaramento, desonestidade, desvergonha e imoralidade) e recebendo em si mesmos a devida recompensa do seu erro (a dor do coito, doenças, AIDS). (Romanos 1:27)

E assim como eles (os pecadores) rejeitaram o conhecimento de Deus, Deus, por sua vez, os entregou a um sentimento depravado, para fazerem coisas que não convêm; (Romanos 1:28)

estando cheios de toda a injustiça, malícia, cobiça, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, dolo, malignidade; (Romanos 1:29)

sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos Pais; (Romanos 1:30)

néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, sem misericórdia; (Romanos 1:31)

os quais, conhecendo bem o decreto de Deus, que declara dignos de morte os que tais coisas praticam, não somente as fazem, mas também aprovam os que as praticam. (Romanos 1:32)



NÃO HAVERÁ PERDÃO PARA AQUELE QUE JULGA E APLICA A LEI SOBRE UM PECADOR. E O QUE JULGA LEVARÁ SOBRE SI A MESMA ACUSAÇÃO DO PECADOR.

Portanto, és inescusável (imperdoável), ó homem, qualquer que sejas (Pastor, Apóstolo, Servo), quando julgas, porque te condenas a ti mesmo naquilo em que julgas a outro; pois tu que julgas, praticas o mesmo (torna-se praticante e condenável do mesmo pecado). (Romanos 2:1)

E bem sabemos que o juízo de Deus é segundo a verdade, contra os que tais coisas praticam. (Romanos 2:2)

E tu, ó homem (Pastor, Apóstolo, Servo), que julgas os que praticam tais coisas, cuidas (você acha) que, fazendo-as tu, escaparás ao juízo de Deus? (Romanos 2:3)

Ou desprezas tu as riquezas da sua benignidade, e paciência e longanimidade, ignorando que a benignidade (ou Bondade) de Deus que conduz ao arrependimento (que o evangelho de amor conduz ao arrependimento)? (Romanos 2:4)

Mas, segundo a tua dureza e teu coração impenitente (Homem que julga sem piedade), entesouras ira para ti no dia da ira e da revelação do justo juízo de Deus, (Romanos 2:5)

que retribuirá a cada um segundo as suas obras; ( Romanos 2:6)

a saber:

Vida eterna aos que, com perseverança em fazer o bem (com amor), procuram glória, e honra e incorrupção; (Romanos 2:7)

Ira e indignação aos que são contenciosos (brigas, discussões, disputas, separações), desobedientes; (Romanos 2:8)

tribulação e angústia sobre a alma de todo homem que pratica o mal, primeiramente do judeu (primeiramente dos que servem a Deus), e também do grego (que representa os que não servem a Deus, os pecadores);

glória, porém, e honra e paz a todo aquele que pratica o bem, primeiramente ao judeu (que aqui representa aqueles que servem a Deus), e também ao grego (que aqui representa aqueles que não servem a Deus, os pecadores); (Romanos 2:9,10)

pois para com Deus não há acepção de pessoas (para Deus todos são iguais). (Romanos 2:11)

Porque todos os que sem lei pecaram, sem lei também perecerão (os que pecam sem conhecer as leis de Deus, sem elas perecerão); e todos os que sob a lei pecaram, pela lei serão julgados (todos os que julgam os outros por conhecerem a lei, pela lei serão julgados). (Romanos 2:12)

Pois não são justos diante de Deus os que só ouvem a lei; mas serão justificados os que praticam a lei (Romanos 2:13)

porque, quando os gentios (pecadores), que não têm lei (que não conhecem a Bíblia), fazem por natureza as coisas da lei (as coisas da Bíblia), eles, embora não tendo lei, para si mesmos são lei (ou seja, suas próprias consciências os induz naturalmente a praticar a lei, mesmo sem conhecer a lei). (Romanos 2:14)

pois mostram a obra da lei escrita em seus corações, testificando juntamente a sua consciência e os seus pensamentos, quer acusando-os, quer defendendo-os, (Romanos 2:15)

no dia em que Deus há de julgar os segredos dos homens, por Cristo Jesus, segundo o meu evangelho. (Romanos 2:16)

Mas se tu és chamado judeu (servo), e repousas (descansas) na lei, e te glorias em Deus (se acha santo, se acha melhor); (Romanos 2:17)

e conheces a sua vontade e aprovas as coisas excelentes, sendo instruído na lei; (Romanos 2:18)

e confias que és guia dos cegos (de pecadores), luz dos que estão em trevas, (Romanos 2:19)

instruidor (professor) dos néscios (ignorantes), mestre de crianças, que tens na lei a forma da ciência e da verdade; (Romanos 2:20)

tu, pois, que ensinas a outrem, não te ensinas a ti mesmo? Tu, que pregas que não se deve furtar, furtas? (Romanos 2:21)

Tu, que dizes que não se deve cometer adultério, adultéras? Tu, que abominas os ídolos, roubas os templos? (Romanos 2:22)

Tu, que te glorias na lei, desonras a Deus pela transgressão da lei? (Romanos 2:23)

Assim pois, por vossa causa (homem que se diz santo), o nome de Deus é blasfemado entre os gentios (entre os pecadores), como está escrito.  (Romanos 2:24)

Porque a circuncisão (a santificação) é, na verdade, proveitosa, se guardares a lei; mas se tu és transgressor da lei, a tua circuncisão tem-se tornado em incircuncisão.  (Romanos 2:25)

Se, pois, a incircuncisão (o pecador) guardar os preceitos da lei, porventura a incircuncisão (o pecador) não será reputada (vista ou aceita) como circuncisão (santificado)?  (Romanos 2:26)

E a incircuncisão (o pecador) que por natureza o é, se cumpre a lei, julgará a ti, que com a letra (conhecimento da lei) e a circuncisão (santificação) és transgressor da lei.  (Romanos 2:27)

Porque não é judeu (servo de Deus) o que o é exteriormente (na aparência) , nem é circuncisão (santificado) o que o é exteriormente na carne (que tem aparência de santo).  (Romanos 2:28)

Mas é judeu (servo de Deus) aquele que o é interiormente, e circuncisão (santificação) é a do coração, no espírito, e não na letra (na teologia, na lei); cujo louvor não provém dos homens, mas de Deus (ou seja, não são os homens que decidirão que é servo ou quem não é servo, quem é santo ou quem não é santo, somente Deus dará esse louvor). (Romanos 2:29)

Que diremos, pois, ter alcançado Abraão, nosso pai segundo a carne?  (Romanos 4:1)

Porque, se Abraão foi justificado pelas obras, tem de que se gloriar, mas não diante de Deus. (Romanos 4:2)

Pois, que diz a Escritura? Creu Abraão a Deus, e isso lhe foi imputado como justiça. (Romanos 4:3)

Ora, ao que trabalha não se lhe conta a recompensa como dádiva, mas sim como dívida; (Romanos 4:4)

porém ao que não trabalha, mas crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é contada como justiça; (Romanos 4:5)

assim também Davi declara bem-aventurado o homem a quem Deus atribui a justiça sem as obras, dizendo: (Romanos 4:6)

Bem-aventurados aqueles cujas iniqüidades são perdoadas, e cujos pecados são cobertos. (Romanos 4:7)

Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputará o pecado. (Romanos 4:8)

Vem, pois, esta bem-aventurança sobre a circuncisão (o servo, o santo) somente, ou também sobre a incircuncisão (o néscio, o pecador)? Porque dizemos: A Abraão foi imputada a fé como justiça. (Romanos 4:9)

Como, pois, lhe foi imputada (atribuída)? Estando na circuncisão (santidade), ou na incircuncisão (em pecado)? Não na circuncisão, mas sim na incircuncisão (em pecado). (Romanos 4:10)

E recebeu o sinal da circuncisão (santificação), selo da justiça da fé que teve quando ainda não era circuncidado (sanficado), para que fosse pai de todos os que crêem, estando eles na incircuncisão (pecado), a fim de que a justiça lhes seja imputada (atribuída), (Romanos 4:11)

bem como fosse pai dos circuncisos (santificados), dos que não somente são da circuncisão (santidade), mas também andam nas pisadas daquela fé que teve nosso pai Abraão, antes de ser circuncidado (santificado). (Romanos 4:12)

Porque não foi pela lei que veio a Abraão, ou à sua descendência, a promessa de que havia de ser herdeiro do mundo, mas pela justiça da fé.  (Romanos 4:13)

Pois, se os que são da lei são herdeiros, logo a fé é vã e a promessa é anulada.  (Romanos 4:14)

Porque a lei opera a ira; mas onde não há lei também não há transgressão. (Romanos 4:15)

Porquanto procede da fé o ser herdeiro, para que seja segundo a graça (o amor), a fim de que a promessa seja firme a toda a descendência, não somente à que é da lei, mas também à que é da fé que teve Abraão, o qual é pai de todos nós. (Romanos 4:16)

(como está escrito: Por pai de muitas nações te constituí) perante aquele no qual creu, a saber, Deus, que vivifica os mortos, e chama as coisas que não são, como se já fossem. (Romanos 4:17)

O qual, em esperança, creu contra a esperança, para que se tornasse pai de muitas nações, conforme o que lhe fora dito: Assim será a tua descendência; (Romanos 4:18)

e sem se enfraquecer na fé, considerou o seu próprio corpo já amortecido (estéril, infecundo) (pois tinha quase cem anos), e o amortecimento (esterilidade) do ventre de Sara; (Romanos 4:19)

contudo, à vista (ou diante) da promessa de Deus, não vacilou por incredulidade, antes foi fortalecido na fé, dando glória a Deus, (Romanos 4:20)

e estando certíssimo de que o que Deus tinha prometido, também era poderoso para o fazer. (Romanos 4:21)

Pelo que também isso lhe foi imputado (Atribuído) como justiça. (Romanos 4:22)

Ora, não é só por causa dele que está escrito que lhe foi imputado (Atribuído); (Romanos 4:23)

mas também por causa de nós a quem há de ser imputado (Atribuído), a nós os que cremos naquele que dos mortos ressuscitou a Jesus nosso Senhor; (Romanos 4:24)

o qual foi entregue por causa das nossas transgressões, e ressuscitado para a nossa justificação. (Romanos 4:25)

Justificados, pois, pela fé, tenhamos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo, (Romanos 5:1)

por quem obtivemos também nosso acesso pela fé a esta graça (o amor de Deus), na qual estamos firmes, e gloriemo-nos na esperança da glória de Deus. (Romanos 5:2)

E não somente isso, mas também gloriemo-nos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a perseverança, (Romanos 5:3)

e a perseverança a experiência, e a experiência a esperança; (Romanos 5:4)

e a esperança não desaponta, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado. (Romanos 5:5)

Pois, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu a seu tempo pelos ímpios (pecadores). (Romanos 5:6)

Porque dificilmente haverá quem morra por um justo; pois poderá ser que pelo homem bondoso alguém ouse morrer. (Romanos 5:7)

Mas Deus dá prova do seu amor para conosco, em que, quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós. (Romanos 5:8)

Logo muito mais, sendo agora justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira. (Romanos 5:9)

Porque se nós, quando éramos inimigos (eramos pecadores), fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, muito mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida. (Romanos 5:10)

E não somente isso, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, pelo qual agora temos recebido a reconciliação. (Romanos 5:11)

Portanto, assim como por um só homem (Adão e Eva) entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porquanto todos pecaram. (Romanos 5:12)

Porque antes da lei já estava o pecado no mundo, mas onde não há lei o pecado não é levado em conta.  (Romanos 5:13)

No entanto a morte reinou desde Adão até Moisés, mesmo sobre aqueles que não pecaram à semelhança da transgressão de Adão o qual é figura daquele que havia de vir. (Romanos 5:14)

Mas não é assim o dom gratuito como a ofensa; porque, se pela ofensa de um morreram muitos, muito mais a graça de Deus, e o dom pela graça de um só homem, Jesus Cristo, abundará sobre muitos. (Romanos 5:15)

Também não é assim o dom como a ofensa, que veio por um só que pecou; porque o juízo veio, na verdade, de uma só ofensa para condenação, mas o dom gratuito veio de muitas ofensas para justificação. (Romanos 5:16)

Porque, se pela ofensa de um só (Adão), a morte veio a reinar por esse, muito mais os que recebem a abundância da graça, e do dom da justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo. (Romanos 5:17)

Portanto, assim como por uma só ofensa veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a graça sobre todos os homens para justificação e vida. (Romanos 5:18)

Porque, assim como pela desobediência de um só homem (Adão) muitos foram constituídos pecadores, assim também pela obediência de um, muitos serão constituídos justos. (Romanos 5:19)

Sobreveio, porém, a lei para que a ofensa abundasse (se multiplicasse); mas, onde o pecado abundou (se multiplicou), superabundou (multiplicou mais ainda) a graça (através da vida e morte, morte e ressurreição de Cristo); (Romanos 5:20)

para que, assim como o pecado veio a reinar na morte (pois o homem era eterno e se salário pelo pecado é a morte), assim também viesse a reinar a graça (que é o amor) pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo nosso Senhor (sejamos justos). (Romanos 5:21)

Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que abunde (multiplique) a graça? (Romanos 6:1)

De modo nenhum. Nós, que já morremos para o pecado (que somos santos), como viveremos ainda nele (no pecado)? (Romanos 6:2)

Ou, porventura, ignorais que todos quantos fomos batizados em Cristo Jesus fomos batizados na sua morte?  (Romanos 6:3)

Fomos, pois, sepultados com ele pelo batismo na morte, para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida. (Romanos 6:4)

Porque, se temos sido unidos a ele na semelhança da sua morte, certamente também o seremos na semelhança da sua ressurreição; (Romanos 6:5)

sabendo isto, que o nosso homem velho foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado fosse desfeito, a fim de não servirmos mais ao pecado. (Romanos 6:6)

Pois quem está morto está justificado do pecado. (Romanos 6:7)

Ora, se já morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos, (Romanos 6:8)

sabendo que, tendo Cristo ressurgido dentre os mortos, já não morre mais; a morte não mais tem domínio sobre ele. (Romanos 6:9)

Pois quanto a ter morrido, de uma vez por todas morreu para o pecado, mas quanto a viver, vive para Deus. (Romanos 6:10)

Assim também vós considerai-vos como mortos para o pecado, mas vivos para Deus, em Cristo Jesus. (Romanos 6:11)

Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para obedecerdes às suas concupiscências; (Romanos 6:12)

nem tampouco apresenteis os vossos membros (seu corpo) ao pecado como instrumentos de iniqüidade; mas apresentai-vos a Deus, como redivivos dentre os mortos, e os vossos membros a Deus, como instrumentos de justiça. (Romanos 6:13)

Pois o pecado não terá domínio sobre vós, porquanto não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça. (Romanos 6:14)

Ah.. então podemos pecar por estarmos na graça e não na lei? De modo nenhum. (Romanos 6:15)

Não sabeis que daquele a quem vos apresentais como servos para lhe obedecer, sois servos desse mesmo a quem obedeceis, seja do pecado para a morte, ou da obediência para a justiça? (Romanos 6:16)

Mas graças a Deus que, embora tendo sido servos do pecado, obedecestes de coração à forma de doutrina a que fostes entregues; (Romanos 6:17)

e libertos do pecado, fostes feitos servos da justiça. (Romanos 6:18)

Falo como homem, por causa da fraqueza da vossa carne. Pois assim como apresentastes os vossos membros (seu corpo) como servos da impureza e da iniqüidade para iniqüidade, assim apresentai agora os vossos membros (seu corpo) como servos da justiça para santificação. (Romanos 6:19)

Porque, quando você era servo do pecado, estavas livre em relação à justiça. (Romanos 6:20)

E que fruto tínheis então das coisas de que agora vos envergonhais? pois o fim delas é a morte. (Romanos 6:21)

Mas agora, que você está liberto do pecado, e foi feito servo de Deus, tende o vosso fruto para santificação, e por fim a vida eterna. (Romanos 6:22)

Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor. ROMANOS 1 AO 6 (Romanos 6:23)

HOMOSSEXUALISMO - Peca igualmente, aquele que Pratica, aquele que Condena e aquele que Aprova tais coisas (Rm 1:32).

Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que esses. Marcos 12:31

E dele temos este mandamento, que quem ama a Deus ame também a seu irmão. I João 4:21

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o címbalo que retine. I Coríntios 13:01

O (EVANGELHO) AMOR DEVE SER INSTRUMENTO DE SALVAÇÃO E DEVE CONDUZIR O HOMEM AO ARREPENDIMENTO. NÃO AO ÓDIO, SEPARAÇÃO, DISCRIMINAÇÃO, ACUSAÇÃO, GUERRA E MORTE! 
.
ASSISTA: Pastor fala sobre o homossexualismo e importância dos homossexuais para a Igreja e para Cristo; Através de uma forte ministração, este Pastor leva sua Igreja à reflexão e revisão de seus conceitos atos de condenação contra homossexuais. Assista:
.

.
Por: sao163877
18/06/2015

terça-feira, 5 de maio de 2015

Privatização da água, Os Senhores do mundo irão controlar a distribuição de água no planeta.

Se de fato a água passar a ser controlada pelos Senhores do mundo (Illuminatis), você acha que toda a população mundial continuará tendo acesso a esse bem essencial à vida?

O Brasil é o País que mais tem água potável no Planeta! por esse motivo não podemos ficar acomodados, diante dos planos arquitetados pelos illuminatis, de privatizar (Ter poder absoluto) sobre todas as fontes de água potável do planeta!

A mídia e o governo, desmentem as denúncias de manipulação e farsa da crise hídrica. Veja logo abaixo...

Em 2013, Peter Brabeck-Letmathe (Austríaco, presidente da Nestlé), disse que a água deveria ser privatizada.

Brabeck argumentou que, "a água é um bem alimentício como outro qualquer" e assim, seu valor deveria ser estabelecido de acordo com a lei de oferta e procura.

Segundo Brabeck, essa postura é fundamental para que nós, como sociedade, tomemos consciência de sua importância e acabássemos com o subpreço que se produz na atualidade, e assim, evitaríamos o desperdício.

Por trás desse discurso de preocupação com o meio ambiente, é importante ressaltar que a Nestlé é a líder mundial na venda de água engarrafada. Na empresa, o setor de água representa 8% de seu capital, que em 2011 totalizaram aproximadamente 68,5 bilhões de euros.

Seria essa a melhor postura para evitar o desperdício?





Seria a falta d'água (a crise hídrica), uma farsa?


Internautas estão postando vídeos e denunciando uma possível farsa. Eles acusam os governos de estarem mentindo e desviando a água, para num futuro muito próximo justificar a necessidade da privatização da água:




O canal Verdade Oculta, através da pessoa do Irmão Rubens, foi até uma das principais represas que servem à Grande Metrópole de São Paulo e afirmou: Tem água na Represa Cantareira SIM! a televisão só mostra as torneiras secas na casa da população! torneiras que eles (os governantes) fecharam. Mas porque eles não mostram as represas cheias, como esta aqui?




Irmão Rubens volta à represa dois meses depois e verifica que a água realmente está desaparecendo, mas afirma que isso é manipulação e que a água está sendo desviada propositalmente. Assista:



A privatização da água é algo real, que está ficando cada vez mais escancarado. O assunto virou tema até de concursos:




Os Senhores do Mundo (Illuminatis) irão convencer os governos do mundo inteiro e principalmente o governo Brasileiro, a lhes entregar o poder absoluto sobre todas as fontes de águas potáveis.




A Privatização da água é uma tendência no Chile:





A mídia desmente as "Teorias de conspiração" e afirma: A água realmente está acabando! e os vídeos que dizem o contrário são mentirosos e perigosos!

A Rede Globo comentou e desmentiu as afirmações do Irmão Rubens e do Canal verdade Oculta exibindo inclusive um pequeno trecho do vídeo num dos seus tele-jornais. O repórter classificou os vídeos que denunciam a manipulação da água, como mentirosos e perigosos! - Assista:




Em resposta à matéria da Rede Globo (exibida no vídeo acima), o Irmão Rubens postou este vídeo:

- O repórter âncora, não pode ser culpado, mas em momento nenhum afirmei que haveria privatização de Empresa! A empresa eu já sei que é privatizada, mas eu estou falando de privatização da Água!



Irmão Rubens analisa ponto a ponto a matéria levada ao ar pela Rede Globo de Televisão. Assista:




Internautas manifestam-se a respeito do assunto e afirmam: A Água realmente está acabando!

Um internauta também resolveu questionar e contrariar as afirmações do Canal Verdade Oculta, mostrando através de animação gráfica, que o Governo não está mentindo ao dizer que a água realmente está se esgotando:




Este vídeo foi realizado no dia 01/02/2015 no Domingo. Estamos mostrando realmente fatos reais do que esta acontecendo em relação ao sistema hídrico de São Paulo. Não estamos defendendo Sabesp e nem o governo do Estado de São Paulo, mas o vídeo publicado por um determinado cidadão é totalmente irresponsável e maldoso. E pode perverter o comportamento de pessoas comprometidas com a situação e que estão colaborando com a economia de água. Portanto continue fazendo a sua parte.







sábado, 18 de abril de 2015

Bebê nascido em Utah é Chamado, de Lúcifer (o anticristo) pelos próprios Pais

Eles acreditam que seu bebê nasceu sob condições astrológicas que o tornam apto a encarnar o demônio e assim ser considerado por todos como o "Anticristo" nascido em Utah.

Fontes: worldnewsdailyreport.com / http://descendantsofnoah.com

Em Salt Lake (Utah), um bebê chamado Lúcifer está sendo aclamado como o novo "Anticristo" pelos membros da igreja de satanás (relatou o "Mensageiro Mórmon" esta manhã.

O bebê que nasceu ontem (17/Abr) no Hospital Universitário de Salt Lake tem gerado confrontos entre os Mórmons e as comunidades cristãs, depois que  panfleteiros espalharam pela cidade a notícia do nascimento do Anticristo, convidando todos os membros e não-membros da Igreja de Satã, para comemorar esse nascimento"sagrado".

Em alguns sistemas de crenças cristãs,  Jesus Cristo (o  Messias),  aparecerá nas nuvens em sua segunda vinda à Terra e enfrentará o anticristo (que será o maior falso messias no cristianismo).

Assim como Jesus Cristo é o Salvador e o modelo ideal para a humanidade, seu adversário (o diabo) no  tempo final  será uma única figura do mal, a quem alguns acreditam que seria a encarnação viva de Satanás, também conhecido como Baphomet ou Lúcifer.

O menino recém-nascido, chama-se Gabriel Lúcifer Whitcome, é considerado pelos próprios pais e também pelos seguidores da Igreja de Satã, como a "encarnação do Anticristo".
Os pais do bebê admitem que os panfletos podem ter chocado não-membros da Igreja de Satã, que não esperavam esta notícia, por isso houve tanto rebuliço.

"Tudo que queríamos era compartilhar a boa notícia com os irmãos membros da comunidade" admite o pai de Lúcifer de 34 anos, presidente da Igreja local de Satã e atualmente desempregado.

"Em nosso sistema de crença, este é um momento de celebração. Nasce o nosso Messias. Tudo que queríamos, era compartilhar a boa notícia! embora entendamos que, o nascimento do Anticristo pode ser interpretado como uma coisa ruim por aqueles que são da fé cristã" disse ele aos repórteres locais.

O bebê nascido em "condições astrológicas auspiciosas" de acordo com os pais, o torna apto à encarnação de Satanás .

O  Especialista jurídico local John Burroughs, admite que o nome é "incomum", mas não é ilegal.

"Como os pais cuidam bem da criança, não há nenhuma razão para os serviços de proteção a criança (CPS) serem acionados ou envolvidos" afirma o perito .




www.amigosdebolso.com.br

terça-feira, 14 de abril de 2015

Data Limite, Segundo Chico Xavier

Data Limite é um Documentário que descreve as revelações de Chico Xavier sobre a data limite da humanidade e a nova era que está por chegar.

Fonte: http://datalimite.com

Data Limite por Chico Xavier
Especialistas em ufologia afirmam que após a explosão das bombas de Hiroshima e Nagasaki, verificou-se um aumento considerável no número de avistamentos de OVNI’S (Objetos Voadores Não Identificados) em todo o mundo.

Pouco mais de duas décadas depois, o médium brasileiro Chico Xavier confidenciava aos companheiros mais próximos que, por ocasião da chegada do homem à lua em 20 de julho de 1969, acontecera uma reunião com as potências celestes de nosso sistema solar para verificar o avanço da sociedade terrena. Decidiram pois, conceder a humanidade um prazo de 50 anos para que evoluísse moralmente e convivesse em paz, sem provocar uma terceira guerra mundial.

Se assim convivesse até a Data Limite (20/07/2019), a humanidade estaria, a partir de então, pronta para entrar numa nova era de sua existência, e feitos magníficos seriam verificados por toda a parte, inclusive os nossos irmãos de outros planetas estariam autorizados expressamente à se apresentarem pública e oficialmente para os habitantes da terra.

PARA COMPRAR O FILME ACESSE: http://www.pozatifilmes.com

OBJETIVO DO DOCUMENTÁRIO

O objetivo do Documentário Data Limite Segundo Chico Xavier é apresentar fatos e conexões históricas que sugiram a possibilidade da previsão de Chico Xavier se concretizar num futuro próximo, propondo ao público uma reflexão sobre a grandeza do contexto do universo, sobre o fato de não estarmos sozinhos e os possíveis desdobramentos que se dariam a partir de uma eventual inserção da humanidade na sociedade interplanetária.

ENTREVISTADOS

Dentre os entrevistados do projeto estão o médium e orador espírita Divaldo Franco (considerado um dos maiores da atualidade), o escritor Geraldo Lemos Neto (a quem Chico confidenciou os fatos da Data Limite), o jornalista Saulo Gomes (que comandou o programa Pinga-Fogo na década de 60), o ufólogo brasileiro Ademar Gevaerd (O mais conhecido do Brasil), os generais Alberto Mendes Cardoso (Ex Chefe do Estado Maior do Exército Brasileiro e Ex Ministro da Casa Militar) e Paulo Roberto Y. M. Uchoa (filho do Pesquisador e também general Moacyr Uchoa) além do ex-ministro de defesa do Canadá, Paul Hellyer.

Site Oficial: http://datalimite.com

VÍDEOS RELACIONADOS

Sr. Paul Hellyer

O ex-ministro de defesa do Canadá, Mr. Paul Hellyer deixa sua mensagem de esperança ao gravar para o documentário Data Limite segundo Chico Xavier.




Sr. Saulo Gomes




EVENTOS RELACIONADOS

30/03/2015 - Mais de 200 pessoas de diversas religiões se reuniram nesse sábado, 28 de abril, para refletir sobre a mensagem de Chico Xavier no Data Limite, na Palestra Filosófica com os produtores em Ilha Comprida.

Espíritas, Umbandistas, Católicos, Evangélicos, Protestantes, Budistas, Xamanistas, amigos da Pró-Vida, Candomblé, e muitos outros estiveram reunidos no último dia 28, em Ilha Comprida, para a Palestra Filosófica do Data Limite. O acolhimento e o espírito de fraternidade definiram a noite de reflexões e espiritualidade com um grupo aparentemente tão diverso, mas que viu em Chico Xavier e sua mensagem um ponto comum a ser compartilhado.

FALA DO PRODUTOR

13/04/2015 - Juliano Pozati (Produtor do Documentário), falou exclusivamente para a Revista Cristã de Espiritismo sobre o Documentário, suas motivações e até mesmo sobre a ajuda humana e espiritual que recebeu para esta produção:

Fonte: http://datalimite.com
Por: Por Victor Rebelo

O que o motivou a produzir o Data Limite Segundo Chico Xavier?

Juliano Pozati
Juliano Pozati – A motivação não partiu de mim, mas da Rebeca Casagrande, que foi a primeira pessoa que fez as conexões necessárias para o tema do documentário. Rebeca é uma pessoa muito antenada quando se trata de assuntos ligados à espiritualidade. Quando ela assistiu a entrevista do Chico Xavier no Pinga-Fogo, ficou inquieta com um tal prazo de 50 anos que o médium menciona algumas vezes no programa. Foi aí que descobriu o livro “Não será em 2012”, de Geraldo Lemos Neto, o primeiro entrevistado à gravar para o Data Limite, em 2012. A partir daí, vieram as entrevistas com Divaldo Franco e Marcus Vinícius no mesmo ano e o projeto por fim acabou arquivado por um tempo. Rebeca nunca se esqueceu dele, e por ele vibrou todos os dias.

Foi somente no final de 2013 que, numa conversa informal com o Fabio Medeiros, ouvi falar do projeto. Quando li pela primeira vez a entrevista concedida pelo escritor Geraldo Lemos Neto à Folha Espírita sobre as previsões do médium Chico Xavier acerca da transição planetária e da nova era que adviria, fiquei simplesmente estarrecido. Primeiro porque sabia que a mediunidade de Chico Xavier era extraordinária, segundo porque aquelas previsões representavam uma expectativa que eu sempre tive desde criança. Contudo, ao contrário da maioria das pessoas, o que mais me chamou atenção não foram as consequências catastróficas que se dariam caso a humanidade escolhesse o caminho da guerra. Afinal de contas, o resultado de um conflito mundial não é novidade para ninguém. Já tivemos duas grandes guerras e sabemos muito bem como elas acabam… conosco! O que me chamou a atenção foi o porvir desta “era extraordinária” mencionada por Chico também no Pinga-Fogo. Mais precisamente, um detalhe que passou “quase desapercebido” em sua conversa com Geraldinho: “Também os nossos irmãos de outros planetas mais evoluídos terão a permissão expressa de Jesus para se nos apresentarem abertamente, colaborando conosco e oferecendo-nos tecnologias novas, até então inimagináveis ao nosso atual estágio de desenvolvimento científico.”

Qual é proposta do documentário?

Juliano Pozati – A proposta não é outra senão a construção, a partir de agora, de um mundo bem melhor. Esse objetivo último passa por um processo que tenho explicado nas minhas palestras: Busca de novas perspectivas, expansão de consciência, integração cósmica e então construção de um mundo bem melhor. O sujeito que busca novas perspectivas, expande naturalmente sua consciência. Dizia Albert Einstein que “uma mente que se expande jamais retorna ao tamanho original”. Com a consciência ampliada, cada um de nós entende um pouquinho mais a grandeza e o mistério do universo onde estamos, e impulsionados queremos mais, queremos nos integrar com tal realidade. A partir deste gesto contemplativo, o desejo de construção de um mundo bem melhor é inevitável.

Como os espíritas têm reagido, com relação à proposta do documentário?

Juliano Pozati – Muito bem! Os estudiosos da filosofia espírita são pessoas de um senso crítico mais apurado. Posso dizer que mais do que reagido, eles têm se engajado na propagação da mensagem. Em todos os lugares onde tenho dado palestras sobre o tema, as pessoas logo percebem que não há contradição na proposta do Data Limite, entendem a grandeza do por vir e o seu papel na transformação. É claro que eu, Fabio e Rebeca ficamos muito felizes quando pessoas respeitadas pelo movimento como Geraldo Lemos, Saulo Gomes e Divaldo Franco manifestaram seu entusiasmo com o resultado final da produção. Isso foi para nós um alívio, sinal de que havíamos entregue ao público a mensagem de Chico Xavier com a responsabilidade que lhe é devida.

O que o levou a escolher as pessoas que foram entrevistadas?

Juliano Pozati – Apesar do filme se basear no testemunho de Chico Xavier, não queríamos rótulos. Não queríamos que fosse um filme “espírita” e ponto. Queríamos despertar o interesse de toda gente para a questão. Por isso buscamos especialistas de diversa áreas do conhecimento para discorrerem sobre o tema. E qual não foi a nossa surpresa quando percebemos que a opinião de todos eles convergem para a mensagem de Chico Xavier. O mais curioso, com certeza, foi o ex-ministro de defesa do Canadá, Paul Hellyer, que nunca tinha sequer ouvido falar do médium brasileiro até o dia de nossa entrevista com ele em Toronto, e ainda assim, mantém um discurso profundamente alinhado com a mensagem do Data Limite.

Qual foi a maior dificuldade para realizar este projeto?

Juliano Pozati – Este é o nosso primeiro longa-metragem, então temos aprendido muito. O Fabio Medeiros, diretor do documentário, sempre nos lembra que o Data Limite é a nossa grande escola. Ele é um projeto totalmente independente:  não tem patrocínio, não tem Lei Rouanet, não tem incentivo fiscal nem verba governamental. Tudo o que foi feito, foi realizado com o suor do nosso trabalho e arcado com dinheiro dos nossos bolsos, que não são nada fartos, diga-se de passagem. Tínhamos muitas ideias que gostaríamos de ter executado, mas não pudemos por limitação financeira. Mas no final, ficamos felizes com o resultado. Foi o nosso melhor até agora, mas está muito longe de onde queremos chegar.

Vocês contaram com algum apoio, como de entidades ou da iniciativa privada?

Juliano Pozati – Contamos com o apoio de diversas entidades espirituais, que se mostraram sempre muito solicitas em nos ajudar a resolver os problemas do dia-a-dia da produção. Coisas que estavam fora do nosso alcance e que conscientemente deixávamos ao encardo deles, e no dia seguinte víamos a questão por resolvida. Isso além da amizade e carinho de diversas pessoas que nos incentivaram muito, como o Geraldo Lemos, que se tornou um amigo muito querido, Oceano Vieira de Melo, da Versátil Vídeo, o Ricardo Pinfildi, da Livraria Candeia e o jornalista Saulo Gomes, que praticamente virou um paizão para toda equipe. Isso sem falar do ufólogo Ademar Gevaerd. Em cada café que tomamos juntos para discutir o projeto, ele não hesitava em sacar o celular com a agenda telefônica e me encher de contatos preciosos para nossa pesquisa.

Como foi o encontro com o ex-ministro de defesa do Canadá, Paul Hellyer?

Juliano Pozati – Não foi fácil chegar até ele. O Fabio Medeiros quase caiu para trás quando eu disse que precisávamos ter o Hellyer no Data Limite. Foram 3 ou 4 meses trocando e-mails com ele. Recebi 6 negativas antes de finalmente convencê-lo da importância do tema. Mas quando chegamos tinha até bolo de canela com açúcar mascavo nos esperando, feito pela Sandra Hellyer, sua esposa. O ministro é uma pessoa muito simples, educada e elegante. Tem um currículo invejável para qualquer político do cenário mundial. O sucesso que ele obteve nas atividades de sua carreira profissional ao longo de toda a sua vida endossam muito as denúncias que ele tem feito no cenário ufológico, sobretudo porque ele não precisa de tais denúncias para ganhar popularidade e satisfazer um senso egoísta de auto realização.

Publicamos, na edição 76 da Revista Cristã de Espiritismo, um trecho do Pinga-Fogo onde Chico fala sobre a existência de água no subsolo da Lua, o que foi confirmado há alguns anos. Esse é um dos tópicos que o documentário aborda. O que mais o Data Limite abordou, com relação as informações de Chico sobre a colonização lunar pelo homem?

Juliano Pozati – Tem um aspecto da lua que impressionou muito a nossa equipe durante as pesquisas que fizemos. Chico fala no Pinga-Fogo que o homem construiria “cidades de vidro e alumínio” com matéria prima colhida da própria lua. Estas cidades seriam, nas palavras dele, “redutos da ciência moderna” que nos possibilitariam a exploração do universo. O curioso foi que, a Agência Espacial Europeia divulgou há pouco tempo a perspectiva artística das bases lunares que tem planejado construir com auxílio de impressoras 3D. Utilizando matéria da própria lua, essas impressoras seriam capazes de esculpir as estruturas necessárias para os complexos. Quando você vê as ilustrações da agência espacial no Data Limite, com as propostas artísticas dessas bases, fica atônito com a descrição do Chico: batem perfeitamente.

O que seria, exatamente, essa data limite, segundo Chico Xavier?

Juliano Pozati – A data seria 20 de julho de 2019. Chico Xavier confidenciou aos companheiros mais próximos que, por ocasião da chegada do homem à lua em 20 de julho de 1969, acontecera uma reunião com as potências celestes de nosso sistema solar para verificar o avanço da sociedade terrena. Estas potências estavam preocupadas com a questão nuclear no planeta Terra, mas viram a chegada do homem à lua como uma grande conquista cientifica. Decidiram pois, conceder a humanidade um prazo de 50 anos para que evoluísse moralmente e convivesse em paz, sem provocar uma terceira guerra mundial, uma guerra nuclear.

Se assim convivesse até a Data Limite, a humanidade estaria, a partir de então, pronta para entrar numa nova era de sua existência, e feitos magníficos seriam verificados por toda a parte, inclusive os nossos irmãos de outros planetas estariam autorizados expressamente à se apresentarem pública e oficialmente para os habitantes da terra.

Vale lembrar que o Chico não disse que tal dia e tal hora vai pousar uma nave no jardim da Casa Branca. Ele disse “a partir de”. Não devemos ver a data limite como um dia e hora apocalípticos, mas como o fim de uma fase e o começo de outra.

Quais as condições exigidas, de acordo com Chico Xavier, para a humanidade efetivar esse intercâmbio com civilizações de outros planetas?

Juliano Pozati – A questão nuclear é a grande exigência e também a grande preocupação, não só das potências celestes anunciadas por Chico Xavier, mas também do ex-ministro do Canadá e segundo consenso da comunidade ufológica, é também a preocupação dos nossos visitantes de outros planetas. Eles parecem estar preocupados com o fato da humanidade não ser madura o suficiente para garantir que não utilizará novamente uma ogiva nuclear, como fez no passado, em Hiroshima e Nagasaki. E não é para menos, segundo um relatório recente, publicado no jornal britânico The Guardian, o arsenal nuclear listado pela Associação dos Cientistas Atômicos chega a mais de 10.000 ogivas nucleares. Tanto poder bélico seria capaz, segundo alguns especialistas, de destruir a Terra 80 vezes.

E quais seriam os benefícios desse intercâmbio?

Juliano Pozati – Serão inimagináveis. Chico confidenciou dois avanços que preconizam a grandeza do por vir. Ele falou da conquista da cura para praticamente todos os males do corpo físico e também o desenvolvimento de aparelhos que nos facilitarão o contato com a esfera dos desencarnados. Seria a plenitude da transcomunicação. A ciência finalmente terá a possibilidade de entender em qual frequência energética a espiritualidade atua. Não mais enxergará com preconceito o sobrenatural, pois entenderá que ele é tão somente  parte do natural que não tivera a chance de ser por ela desvendada. Em se fazendo isto, o sobrenatural será apenas parte do natural; será super natural. Agora, cabe a questão: se estes seres, extraterrestres, já desfrutam de tais tecnologias, e eu penso que sim, qual não deve ser o nível de espiritualidade e avanço moral que manifestam, pois para eles não há realidade física ou espiritual. Tudo é parte da mesma realidade, que eu chamo “realidade integral”.

E se a humanidade iniciasse uma terceira guerra mundial? Quais seriam as consequências, segundo Chico?

Juliano Pozati – Seriam bem complicadas. Elas são detalhadas na entrevista de Geraldo Lemos à Folha Espirita e posteriormente publicada no livro “Não será em 2012”. Como eu disse no começo da entrevista, não tem novidades no quesito Guerra Mundial. Com mais de 10 mil ogivas nucleares nos porões do nosso planetinha, não vale a pena gastar tinta e papel para discorrer sobre o que aconteceria.

Qual seria a principal preocupação dos seres extraterrestres, com relação à humanidade?

Juliano Pozati – Eu penso que seja a evolução moral e cientifica da humanidade, rítmicas e equilibradas, rumo à integração cósmica, ou seja, a participação das questões da vida interplanetária e espiritual. Por isso, a questão nuclear os preocuparia tanto, na condição de ‘irmãos mais velhos’. Especialistas em ufologia afirmam que após a explosão das bombas de Hiroshima e Nagasaki por exemplo, se verificou um aumento considerável no número de avistamentos de OVNI’S (Objetos Voadores Não Identificados) em todo o mundo, sobretudo em bases militares que estocam esse tipo de armamento nuclear.

E você acha que esse contato generalizado ocorreria de forma imediata ou gradativa?

Juliano Pozati – Bom, ambos os casos são teorias lançadas para meditação do leitor. Eu particularmente acredito que já está havendo uma preparação. Sou pós-graduado em estratégia militar e foi treinado para não acreditar em coincidências. Pegue por exemplo Hollywood. O cinema americano é uma arma ideológica a serviço da política nacional do país. Os inimigos do Rambo eram sempre os vietnamitas. Os inimigos do Indiana Jonnes eram sempre os Russos ou os Nazistas. Enquanto houve guerra, o tema era este. Pense um pouco na temática de Hollywood nos últimos 15 anos: Encontros, chegada de outras civilizações, super humanidade, com pleno potencial parapsicológico desenvolvido, etc. Se objetos voadores não identificados eram considerados ficção científica quando eu era criança, hoje são expectativa, são assunto sério. Coincidência?

Alguns entrevistados, no documentário, falam como algumas religiões – como a Católica – possivelmente reagiriam. Fale um pouco sobre isso.

Juliano Pozati – Nós nos esquecemos, e muitos talvez nem mesmo o sabem, que a Igreja Católica é um Estado, dito Teocrático, e um banco com aproximadamente 1 bilhão de “clientes” em todo o mundo. Ela não dá um passo sequer sem planejar muito bem as consequências. Desde 1500 a igreja estabeleceu “filiais” ou “embaixadas” em todo o mundo, a partir da expansão missionária que acompanhou a era das grandes navegações. Logo, todo e qualquer fenômeno ufológico que era observado por um aldeão em qualquer parte do globo, era relatado ao pároco local. A medida que esses relatos foram reunidos e a frequência fora observada, novas decisões estratégicas foram tomadas. Sobretudo porque esta realidade que está para ser descortinada para todos nós vai abalar todas as estruturas de poder estabelecidas no mundo e obrigará a igreja a rever e contextualizar os seus dogmas, aceitos hoje por, repito, 1 bilhão de pessoas. Logo, se o Papa Francisco declara publicamente que se um marciano aparecesse no Vaticano ele o batizaria, pode ter certeza que não foi uma brincadeira espontânea, ou um gesto de simpatia. Ele é um chefe de Estado. Não há espontaneidade. Muito menos coincidência. Já disse antes, não acredito nelas…

Então, isso tudo faz parte do processo de transição, que já está ocorrendo?

Juliano Pozati – Eu penso que sim. Até pouco tempo antes da Revolução Francesa, pouca coisa havia de novo no jeito de viver da humanidade. A partir da Revolução Francesa e da Revolução Industrial, o cenário começa a mudar radicalmente. Se considerarmos os avanços científicos e tecnológicos dos últimos 100 anos então, ficaremos com vertigem. Minha avó morava num sítio em Atibaia, no interior de São Paulo, em meados dos anos 40. As notícias da guerra chegavam ao lugar quando alguém que visitara a cidade passava por lá. Anos 40! 70 anos depois e nada acontece no mundo sem que haja uma repercussão global e instantânea. Eu me pergunto: O que são os últimos 300 anos, se comparado com 12.000 anos de humanidade (ou talvez bem mais) sobre a face da Terra? Penso que estamos vivendo sim uma grande transição, como que a emancipação de nossa civilização.

Como você acha que a humanidade, em geral, receberia esse contato com civilizações mais avançadas?

Juliano Pozati – Sou um entusiasta do assunto e por isso sou suspeito ao emitir uma opinião sobre a questão. Mas vou tentar balancear a coisa. Por um lado, o déficit educacional e a miséria em que se encontram mergulhados mais de 2 terços do globo me fazem pensar que um encontro como o que é preconizado no Data Limite seja um choque brutal. Se você ainda considerar o fanatismo e o fundamentalismo religioso, tão marcantes em algumas sociedades, a reação pode ser pior ainda.

Por outro lado, penso que temos sido preparados para esta ocasião, que deve ser um evento marcante e maravilhoso para todos os habitantes do planeta. A tecnologia e o avanço científico que se dará a partir do intercâmbio com essas civilizações pode oferecer resposta à diversas situações miseráveis que hoje enfrentamos em nosso planeta. Imagine por exemplo, que podemos transformar, com tecnologia agrícola de larga escala, o deserto do Saara numa imensa plantação, capaz de acabar com a fome na África. Fontes renováveis de energia permitirão a inclusão social de bilhões de seres humanos, além da cura de infindáveis males físicos. Isto sem falar do fim da escravidão psicológica e da culpa dogmática, incutida religiosamente com fins de controle das massas em democracias de fachada ou regimes ditatoriais que serão por fim dizimados num processo social de evolução, partindo das novas perspectivas que se apresentarão a todos simultaneamente.

É por isso que temos dito que mais do que um documentário, o Data Limite está criando um movimento de pessoas conscientes ao redor do globo, dispostas à conquistar e construir um mundo bem melhor a partir de agora.

Uma questão polêmica e que eu tenho muita cautela, é a crença de que Jesus seria nosso governador planetário, e como tal, teria se reunido com seres de outros planetas representando a nossa humanidade. Como essa informação não tem como ser verificada, sendo mais creditada às crenças pessoais de Chico e Emmanuel, isso não prejudica a confiabilidade na existência de uma possível “data limite” ou “última hora”?

Juliano Pozati – As evidências que reunimos, os fatos preconizados por Chico Xavier e posteriormente analisados por nossa equipe não deixam dúvidas quanto a confiabilidade de sua mensagem. Ela é crível. Ponto. Agora esta questão é como outra que também causa muita controvérsia, se Chico Xavier seria ou não a reencarnação de Allan Kardec. Para ambas a minha resposta é a mesma: FUGA DO ASSUNTO PRINCIPAL. A questão toda no Data Limite é: O que EU tenho feito para construir um mundo bem melhor? O que eu tenho feito para evoluir, para praticar o bem? O que eu tenho feito para merecer ser considerado digno de uma vida cósmica, interplanetária?

A questão não se resume a quem, quando ou como. As evidências que reunimos a partir de diversas áreas do conhecimento apontam um mesmo rumo: o de compromisso com a transformação que se dará a partir de um evento global, preconizado não só por Chico Xavier, mas por boa parte das religiões do mundo.

Afinal, após ter estudado a fundo essa questão da “Data Limite”, você acha que a humanidade finalmente está preparada para essa data? Por quê? O que precisamos melhorar?

Juliano Pozati – A Revolução Industrial levou algumas décadas para afetar e alterar radicalmente o modo de vida na Terra. O YouTube virou febre mundial em menos de 10 anos. O Whatsapp chegou ontem mesmo e já não sabemos mais nos comunicar sem ele. As coisas hoje acontecem e se alastram em tempo real. Nosso esforço agora é para levar a mensagem do Data Limite ao maior número de países no mundo. Por isso, a versão internacional que lançaremos agora em dezembro virá com legendas em inglês, espanhol, alemão, italiano, francês e mandarim. Queremos propagar a mensagem de Chico Xavier porque entendemos que ela é vital no processo de preparação da humanidade para esta nova realidade que se apresentará diante de nós. Não é bem uma questão de fé, mas sobretudo de evidências. O esforço de propagação e preparação é de todos nós. Um tema como este deveria ser discutido em programas de auditório na TV aberta, no lugar das irrelevantes aberrações culturais que vemos proliferar todos os dias na grade televisiva. Hoje a questão “existência de vida em outros planetas” já está, teoricamente, ultrapassada. Já se pensa em exopolítica, ou seja, política interplanetária. É preciso expandir horizontes, adquirir novas perspectivas e novos propósitos, fortes o suficiente para nos motivar à transformação pessoal e a evolução moral.

Para encerrar, deixe-nos uma mensagem (algo importante que não foi abordado).

Juliano Pozati – Eu acredito que estamos às portas de um evento global que reorganizará todas as coisas e mudará completamente a nossa forma de ver e relacionar-se com o mundo e com o próximo. O que a espiritualidade manifestou outrora por Chico está sendo agora confirmado e reafirmado por diversas áreas do conhecimento no documentário Data Limite segundo Chico Xavier. Isso porque talvez o conhecimento humano, a espiritualidade, as diversas dimensões, a ciência e a vida fora do planeta Terra sejam tão somente parte de uma mesma realidade integral, ainda a ser desvendada pelo homem.

Mas qual a relação disso tudo comigo e com você? Bem, tirando o fato de se tratar do mundo em que “por acaso” todos nós vivemos, cabe a cada um de nós a conquista e a construção desta nova era. É a nossa vibração, a expansão de nossa consciência e a aspiração de objetivos cósmicos comuns que farão de nós todos cidadãos do universo.

Fonte: http://datalimite.com
Saiba mais sobre Juliano Pozati: http://www.pozati.com/blog

PARA COMPRAR O FILME ACESSE: http://www.pozatifilmes.com

www.amigosdebolso.com.br

quinta-feira, 2 de abril de 2015

A serpente de Bronze nas ambulâncias do mundo inteiro

Atenção! O texto abaixo, é uma transcrição dos vídeos do Sr. Robert Smith, postado no Youtube no dia 15/03/2015.

Fonte: Youtube
Autor: Robert Smith

A Serpente de Bronze nas ambulâncias do mundo inteiro


Robert Smith
Hoje eu vou fazer um vídeo, sobre algumas coisas que eu notei e fotografei, durante as minhas andanças por alguns países do mundo.

Coincidências? É um tanto difícil classificar tais coisas como “Coincidências”...

Eu vou colocar a foto aqui, para que vocês entendam o que está acontecendo:

Em todos os Países pelos quais eu passei (Grécia, EUA, Londres, Alemanha), notei que estão colocando este símbolo nas ambulâncias. Tal símbolo poderia ser colocado em qualquer lugar (Bombeiros, Polícia e etc...), mas coloca-lo exatamente nas ambulâncias do mundo inteiro! É muito estranho...

Isso é para que vocês vejam que estamos chegando realmente no final, no final do fim dos tempos mesmo! Um absurdo! Não tem jeito...

Eu não sei o que mais precisa acontecer nesse mundo, para que as pessoas abram os seus olhos e percebam o que está acontecendo. Que os anjos caídos estão manipulando tudo! Eu não sei mais o que precisa acontecer...

Já foi revelado que Moisés (ou Israel) era o Diabo e que é ele quem virá como o salvador tão esperado pelos Judeus,

Já foi revelado que Elias (Ismael), é o falso profeta,

Já foi revelado também que Enoque é a besta do apocalipse e que ele ressurgirá num novo corpo,
Mas, o que eu quero explicar para vocês são os motivos pelos quais um novo símbolo tem sido colocado nas ambulâncias de todo o mundo:

Trata-se da SERPENTE DE BRONZE.

Quando Moisés estava no monte, o seu povo estava tendo relações sexuais com animais, com serpentes, homens com homens, mulheres com mulheres; Então, o nosso Pai no reino dos Céus, o Messias e os Anjos, as duas Testemunhas e os 144 mil selados indagaram dizendo: Moisés (Israel, Anjo caído), veja o que o seu povo está fazendo! Estão fazendo uma babilônia ali!

Então, Moisés (Que foi lançado aqui na terra; Não se esqueçam que, Moisés era o anjo Israel que lutou com o Messias lá no céu e então foi lançado aqui na terra.), para mostrar que detinha o poder ou o controle sobre aquele povo perante o nosso Pai eterno (Só que ele não tinha controle nenhum, Moisés sempre foi um louco desvairado! Que quando alguém o desobedecia, ele simplesmente matava esse alguém. Sempre foi assim...) e sendo ele a própria serpente, controlou então uma serpente (assim como o fez no passado, para enganar Adão e não conseguindo, enganou Eva), para enganá-los também.

Moisés usou a mesma tática que usou no paraíso com Adão e Eva lá no deserto. E todas as pessoas que o desobedeciam, ele mandava a serpente picar.

Então Moisés dizia ao povo que para serem curados daquelas picadas, deveriam adorar a serpente de bronze (uma escultura de bronze de uma serpente enrolada numa haste).

Números 21: 7-9

7 Pelo que o povo veio a Moisés, e disse: Pecamos, porquanto temos falado contra o Senhor e contra ti; ora ao Senhor para que tire de nós estas serpentes. Moisés, pois, orou pelo povo.   

8 Então disse o Senhor a Moisés: Faze uma serpente de bronze, e põe-na sobre uma haste; e será que todo mordido que olhar para ela viverá.

9 Fez, pois, Moisés uma serpente de bronze, e pô-la sobre uma haste; e sucedia que, tendo uma serpente mordido a alguém, quando esse olhava para a serpente de bronze, vivia. 

Agora, estão colocando o mesmo símbolo utilizado por Moisés lá no deserto, nas ambulâncias dos dias de hoje. É como se as pessoas ao verem o mesmo símbolo, acreditassem que seriam curadas como o povo no deserto acreditou.

No princípio, quando derrubaram Adão e Eva, Azazel, Israel e Ismael fizeram um bacanal e o faram novamente nos últimos dias.

Os anjos caídos enganam aqueles que não conhecem as escrituras, mas para aqueles que conhecem as escrituras, não há engano.

Não estou dizendo para você deixar de procurar um hospital ou o atendimento por ambulâncias, não! Estou apenas dizendo que depois de três mil anos, o símbolo da serpente e da haste está voltando à tona!

As pessoas não conhecem, mas todos nós sabemos que o símbolo do diabo é a serpente. Hoje, a serpente de bronze está nos adesivos das ambulâncias de diversos Países do mundo! Algumas contendo a estrela do diabo, outras com a estrela de Azazel e outras contendo a estrela de Ismael (São diferentes as três e um dia farei um vídeo mostrando essa diferença).

É impressionante! Mas a serpente de bronze utilizada por Moisés a milhares de anos atrás voltou a ser utilizado agora nos últimos dias.

Muitas coisas estranhas estão acontecendo também em Roma. Se vocês acharam que o outro Papa (Bento XVI) ficou pouco tempo no poder, saibam que esse último (Francisco) ficará menos tempo ainda.

Quando o último Papa cair, então começará a contagem dos 1335 dias, que todos nós esperamos. Mas, vamos ver... Pois eles são cheios de truques.

Quem será que vai surgir?

Será que virá o Jesus Cristo (Enoque)?

Será que ele assumirá o corpo de um jovem? Ou assumirá o corpo de alguém mais velho?

O fato é que os acontecimentos atuais, o ressurgimento da serpente de bronze, nos mostram que estamos muito próximos do fim.


Apocalipse 12:9 – E foi expulso o grande dragão, a antiga serpente, que se chama Israel (Moisés) diabo e Satanás, o sedutor de todo o mundo, sim, foi atirado para a terra e com ele, os seus anjos.

Vídeo 01/02


Vídeo 02/02


Transcrição do Vídeo de Robert Smith
Canal Youtube - Robert Smith


www.amigosdebolso.com.br

terça-feira, 31 de março de 2015

Fernanda Brum aos prantos, conta uma terrível revelação Apocalíptica

Aos prantos, Fernanda Brum diz: A maior parte dos evangélicos ficará!

Fonte: Arrependa-se: Jesus Está voltando

A Pastora e Cantora Fernanda Brum, foi despertada por Deus durante a madrugada; Muito emocionada e aos prantos, ela pegou seu celular e gravou e enviou uma mensagem via whatsapp para sua lista de contatos e pediu que a mensagem fosse espalhado para todos nós.

Veja a transcrição da mensagem e ouça a mesma, na voz da Pastora, logo abaixo:

Fernanda Brum narra revelação apocaliptica
Queridos graça e paz!

Me perdoem pelo horário em que estou enviando esta mensagem de voz, via whatsapp para vocês... Mas, estou aqui para entregar algo da parte do Senhor para vocês!

Eu acordei a alguns minutos atrás com muito calor, pedindo a Deus que tenha misericórdia da humanidade, e traga suas misericórdias, traga chuvas na medida certa...

Depois eu fui deitar quase cochilando e o Espírito Santo de Deus vei a mim e me delegou a seguinte mensagem:

Amados, queridos de Deus (línguas ???) Deus manda dizer para a Igreja, que 2015 será um ano de tribulações. A Igreja deve entrar em Jejum e oração!

Deus está preparando Jesus Cristo para buscar a sua Igreja!

A Igreja deve estar atenta aos sinais!

E muitos que não estiverem ligados (Atentos) ficarão!

A Igreja deve acordar e despertar! Pois muitos ficarão na dispersão e não entrarão na Glória de Deus! (Línguas ???).

A Igreja deve ficar na posição de soldado e marchar! e marchar! Aleluia!!!

É necessário que a Igreja fique ligada Amados, porque no ano de 2015 o povo de Deus, a Igreja e a Humanidade passará por grandes provações e tribulações!

Entre em jejum, entre em oração, porque Deus está preparando o seu filho para buscar a Igreja!

Na madrugada de ontem eu tive um sonho que o Senhor Jesus Cristo estava voltando, e a maior parte dos evangélicos ficavam! (Choro... )

Agora Ele vem novamente me dizer que está preparando o seu povo sim! e que aqueles que não estiverem prontos ficarão! que não estiverem se santificando, passarão por grandes tribulações e não entrarão na terra prometida! (Choro...)

Enviem esta mensagem para quantas pessoas você puder enviar (choro...)

Alertem o povo de Deus! Alertem a humanidade, porque Jesus está voltado... (Choro...)




Fonte: Arrependa-se: Jesus Está voltando


www.amigosdebolso.com.br

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Unificação das Igrejas - Fim do Protestantismo a caminho da Religião Única.


Papa Francisco convoca as Igrejas Protestantes, Evangélicas e ou Pentecostais, a se unirem à Igreja Católica. É declarado então o fim do protestantismo, o Papa compara-se a José do Egito (numa analogia), e diz que está na hora dos filhos arrependerem-se e voltarem à casa. 

Seu pronunciamento foi assistido por centenas de líderes evangélicos, que prontamente receberam e aceitaram com alegria a convocação Papal. A Igreja recebeu a bênção e abençoou o líder da Igreja Católica.

Por: Doug Batchelor
President of Amazing Facts

Doug Batchelor
Amigos, eu (Doug Batchelor) quero separar um tempinho para falar sobre alguns eventos recentes, muito interessantes e que têm profundas implicações proféticas!

Vamos tomar um tempinho e ar uma olhada em um vídeo singular que acabou de ser postado na internet (mar/2014); É uma mensagem especial do Papa Francisco a uma convenção, cheia de ministros carismáticos e pentecostais, um apelo para a Unidade, para que se unam e voltem a se juntar à Igreja Católica.

É um convite para que sejam um, e penso que isso é muito significativo! Não poderemos mostrar o vídeo inteiro, mas vamos postá-lo no site da “Amazing Facts” se desejar vê-lo na íntegra; Mas eu quero dar uma olhadinha nele e ressaltar alguns pontos que quero trazer à sua atenção. Vamos em frente então? Assista:


TRANSCRIÇÃO DO VÍDEO


O protestantismo acabou.
Tony Palmer
Tony Palmer - Eu estou convencido que Deus me trouxe a este concílio de ministros, "no espírito de Elias". (Deixe-me explicar)...

Tony Palmer - Se você prestar atenção, bastante atenção, o espírito de Elias estava sobre João Batista para voltar os corações dos filhos aos pais...

Agora, em alguns momentos vamos escutar uma mensagem pessoal do papa Francisco, mas para mim, ainda mais interessante é a questão de quem é este bispo Tony Palmer?

Um indivíduo bem elegante que parece ter uma relação pessoal com o papa e que foi enviado como representante do papa; Ele é um mediador: Tecnicamente ele não é católico, ele é anglicano. E ele tem seu próprio ministério que é especificamente focalizado em trazer unidade às Igrejas.

Ele (Tony Palmer) não foi só a este congresso de carismáticos, mas ele participa aonde ele pode para unificar as diferentes igrejas. Ele faz um trabalho excelente em se apresentar como profeta Elias, de “trazer de volta os filhos aos pais, e os pais aos filhos”.

Uma mensagem de unidade banalizando as diferenças doutrinárias. Escute-o, e vejamos o que você pensa:

Tony Palmer – e de trazer os corações dos pais aos filhos e de preparar o caminho para o Senhor. E sabemos que profecias sempre têm um cumprimento duplo e  e sabemos que Elias virá antes da segunda vinda também.

Tony Palmer – e eu entendi que o espírito de Elias é o espírito de reconciliação! De voltar corações uns aos outros! Isso é muito importante...

Tony Palmer – Sabemos que nos primeiros mil anos, houve uma só Igreja, chamada igreja Católica e a palavra “Católica” quer dizer “Universal”, não quer dizer romana!

Tony Palmer – Católica é... se você é nascido de novo... Levante sua mão se você é nascido de novo? Levantou sua mão? Então você é católico.

Não quero me deter neste ponto porque ele está certo, a palavra “Católico” tecnicamente significa universal; Mas, o que você está vendo aqui é que em passos cuidadosamente pequenos, as distinções entre católicos e protestantes estão sendo destruídas!

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – Peque de volta, redima, o que te pertence! Somos católicos!

Tony Palmer – Então tivemos o cisma do final do primeiro milênio, surgiu a igreja ortodoxa, oriente e ocidente (duas Igrejas). Depois, 500 anos mais tarde, veio Lutero com seus protestos (Três Igrejas). Depois em 1500 anos, três denominações! (não três Igrejas...) e então, a partir dos protestos de Lutero, 33 mil novas denominações...

Você vê o que está acontecendo aqui? Amigos, ele nos chama de protestos de Lutero em vez de movimento protestante ou reforma protestante.

É retratado aqui como a rebelião dos protestos de um ó sacerdote infiel. Mas, este na realidade foi um movimento baseado em muitas diferenças teológicas!

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – Eu cheguei a entender que a diversidade (de Igrejas ou denominações) é divina e que a divisão é diabólica.

Eu não sei se você captou a mensagem! mas isto é muito significativo e perturbador! Diversidade é maravilhosa, é divina, mas divisão é diabólica?

Veja, isto não é verdade, nem toda divisão é diabólica!

A Bíblia nos ensina que a palavra de Deus divide! Que é mais afiada que qualquer espada de dois gumes!

Jesus disse: Não vim trazer paz, mas espada!

Paulo diz que devemos sair e ser separados! E quando os apóstolos em seus dias defenderam a verdade, houve uma divisão que aconteceu entre eles e a grande igreja. E assim, nos últimos dias, quando defendermos a verdade, não seremos chamados somente de divisores, mas também de diabólicos!

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – É verdade o que vocês estavam falando sobre a glória, concordo com vocês, claro que é verdade!

Tony Palmer – A glória que o Pai tinha, ele a deu a Jesus! A Glória era a presença de Deus!

Tony Palmer - O que é a renovação carismática?

Tony Palmer – É quando passamos a sentir a presença de Deus!

Tony Palmer – E ELE disse: eu dou-lhes a glória! Razão pragmática, para que sejam um. É a glória que nos une, não as doutrinas!

Ele disse que é a glória que nos une, não as doutrinas...

Bem, não sei se mencionei isso antes; Que o Bispo Tony Palmer, também é carismático ele fala em línguas, ele apoia isso. E o movimento carismático é um movimento muito interessante, por ser na verdade, uma forma de espiritualismo que vem à igreja cristã.

De fato, mais ênfase é colocada no espírito que na doutrina.

Mais uma coisa que pensei, que deveria mencionar neste ponto, quando falamos quem é esse Tony Palmer?  Ele disse à multidão:

- Quando minha esposa percebeu que ela poderia ser uma católica e uma carismática e uma evangélica, e pentecostal e ser absolutamente aceita na igreja católica! Ela disse que queria reconectar suas raízes com a cultura católica, e foi isso que ela fez. Disse Tony Palmer.

Portanto, não há dúvidas de qual é o seu objeto!

Ele disse que sua esposa creu que poderia ser tudo isso, reconectando-se com a cultura católica!
Esse é o objetivo, que todos no mundo Cristão se uma, dentro da cultura católica, ou a reconheça!
Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer - ...É a glória, se você acredita que Cristo está vivendo em mim e que a presença de Deus está em mim e que a presença de Deus está em você. Isso é tudo o que precisamos!

Tony Palmer – Porque Deus vai dar um jeito em todas as doutrinas quando subirmos ao segundo piso.

Não se preocupe, aqui sobre doutrinas. Nós vamos selecioná-las todas as doutrinas quando chegarmos ao céu. Que simplesmente nos amemos uns aos outros aqui...

Mas, a Doutrina é muito importante!

Jesus disse: E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

Quando Jesus fez o sermão da montanha, as pessoas se maravilharam da sua “doutrina” então o que vamos fazer? Eliminar o sermão da montanha?

Porque devemos nada mais que amar uns aos outros e que vamos dar um jeito nas doutrinas mais tarde? Esse será o coro que você vai ouvir vez após vez...

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – Por isso a unidade Cristã é a base da nossa credibilidade. Porque Jesus disse que até que sejamos um, não crerão!

Tony Palmer – O mundo não vai crer, como de fato deveria, até que sejamos um!

Tony Palmer – A divisão destrói nossa credibilidade. É o medo que nos mantém separados! Porque medo é falsa evidência parecendo real, é um acrônimo (F-E-A-R: Falsa Evidência Parecendo Real).

Tony Palmer – Porque a maior parte de seus medos é baseada em propaganda.

O que estamos ouvindo na verdade é que: Os ensinos da reforma protestante são propagandas que infundem medo. Portanto, é ruim, não se preocupe com esta propaganda!

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – Agora, porque é histórico? Porque em 1999 a Igreja Católica Romana e a Igreja Protestante Luterana, assinaram um tratado que deu fim aos protestos.

Tony Palmer – Lutero acreditava que somos salvos pela graça, pela fé somente... Amém?

Pequena correção: Não foi somente Lutero que cria nisso. Eram dezenas de milhares de cristãos dedicados que queriam ir de volta à Bíblia: Huss, cria nisso, Wycliffe cria nisso, Tynadale também, todos os grandes reformadores criam nisso; Não somente Lutero!

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – A Igreja católica cria que somos salvos por obras, e por isso os protestos.

Tony Palmer – Nas igrejas protestantes, temos muitas salvações baratas (pessoas nascendo de novo, mas sem qualquer fruto) e pelo fato de não procurarmos frutos (pois esse assunto nem entra em pauta), por não ser necessário para a salvação e não, não é; Mas é o resultado bom se você é salvo. Então o que fizemos foi que em 1999 juntamos as duas definições.

Tony Palmer – Ouçam só, estou lendo do site Oficial do Vaticano: Justificação significa que o próprio Cristo é nossa justiça. Em que compartilhamos, pelo Espírito Santo, de acordo com a vontade do Pai. Juntos, nós católicos e protestantes, luteranos, cremos e confessamos que pela graça somente, pela fé nas obras salvíficas de Cristo e não por qualquer mérito de nossa parte; Somos aceitos por Deus e recebemos o Espírito Santo, que renova nosso coração enquanto nos capacita e chama a boas obras.

Pode parecer que este era o único protesto de Lutero. Mas, Lutero não protestou só contra uma coisa, ele cravou 95 pontos (motivos) diferentes de protesto no portão da Igreja de Wittenberg.

Ele (Tony Palmer) está se referindo a um deles, mas não é o único ponto. E você vai perceber que na semântica, na linguagem que é usada neste acordo, é muito rebuscada e cautelosa porque os católicos estavam buscando um vocabulário em que não teriam que renunciar o que anteriormente criam ou dar a entender que havia algo de errado com suas doutrinas.

Não tenho tempo de me aprofundar nisso, mas não é bem isso o que superficialmente parece ser...

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – Isso deu fim ao protesto de Lutero (o acordo de 1999).

Tony Palmer – Irmãos e irmãs, o protesto de Lutero já passou! E o seu também.

Tony Palmer – Em 1999 isso foi assinado pela Igreja Luterana, pela federação mundial , mais tarde (uns cinco anos mais tarde) a Igreja Metodista mundial assinou o mesmo tratado; Mas até hoje não tivemos qualquer evangélico protestante que se levantasse e assinasse esse acordo, para concordar com nossos irmãos e irmãs de que: Somos salvos pela graça através da fé, par boas obras.

Tony Palmer – E eu creio que isso é algo que precisa ser consertado!

Ele aqui está realmente apelando! Ele diz que os luteranos assinaram o acordo, e que o protesto já não existe; Que os metodistas assinaram isso, agora estamos tentando fazer com que os evangélicos e pentecostais assinem este documento também, para que todos sejamos um novamente.
A reforma protestante não necessária, estamos todos em harmonia agora.

Vamos continuar transcrevendo o vídeo:

Tony Palmer – Aí está um desafio para você. Portanto, os protestos acabaram ha quinze anos!

Tony Palmer – E sei que sou um pouco atrevido aqui, porque eu desafio meus amigos Pastores Protestantes: Se não há mais protesto, como pode haver ainda uma Igreja Protestante?

Acho que é fácil percebermos para onde isso está indo. A distinção entre católicos e protestantes está sendo varrida para fora! Este é um movimento em direção a uma única religião mundial!

É exatamente o que a profecia diz que tem que acontecer antes de Jesus voltar. O mundo está sendo sacudido!

Somente haverá dois grupos quando Cristo voltar:

Um terá o selo de Deus, o outro, a marca da besta. Obviamente, se há 33 mil denominações cristãs, alguma coisa tem que acontecer pra polariza-los a um desses dois lados.

É por isso que você vê a profecia se cumprindo neste momento, amigos. Esse é o tipo de argumento que será dado, esse é o tipo de apelo que será feito para trazer todos a um “corpo” unificado. Onde minimizamos a importância da doutrina da Bíblia.

Tony Palmer – Talvez agora, sejamos todos católicos de novo (risos da plateia).

Tony Palmer – Mas, somos reformados, somos católicos no sentido universal, não estamos mais protestando contra a doutrina de salvação da igreja católica; Agora pregamos o mesmo evangelho!

Será que pregamos o mesmo evangelho?

A menos que houve mudanças radicais desde 1999 das quais eu não esteja informado!

Só para lhes dar alguns exemplos das diferenças que levaram à reforma protestante:

- A bíblia ensina que não devemos nos inclinar perante estátuas.
Este é um dos dez mandamentos, e a lei de Deus faz parte do evangelho.  A Igreja Católica Romana, diz que devemos nos inclinar perante estátuas.

- A bíblia ensina que todos pecaram exceto Jesus.
A Igreja Católica Romana, ensina que Maria era sem pecado.

- A bíblia diz que Jesus é o único mediador entre Deus e o homem.
A Igreja Católica diz que Maria é co-mediadora.

- A bíblia diz que Cristo ofereceu o sacrifício sobre a cruz de uma vez por todas (Hebreus 7:27).
A Igreja Católica Romana, ensina que o sacerdote sacrifica a Cristo sobre o altar, sempre que este realiza uma missa.

- A bíblia diz que todos os cristãos são santos e sacerdotes (Efésios 1:1).
A Igreja Católica diz que santos e sacerdotes são uma casta especial dentro da comunidade cristã.

- A bíblia ensina que todos os cristãos deveriam saber que têm vida eterna (João 5:13).
A Igreja Católica Romana, ensina que os cristãos não podem e não devem saber que têm vida eterna.

- A bíblia ensina que não devemos chamar nenhum líder religioso de pai.
A Igreja católica ensina que podemos chamar sacerdotes e o papa de pai.

E o Bispo Tony Palmer, também é chamado de pai Tony.
- A bíblia ensina a não orar em vãs repetições

Mas, a Igreja Católica Romana, diz que podemos recitar a Ave Maria e o Pai Nosso em vã repetição.
- A bíblia ensina a confessar seus pecados somente a Deus, que só ELE pode perdoar pecados.

A Igreja Católica Romana, diz que devemos confessar nossos pecados ao padre.
- A bíblia ensina que antes do batismo, deve-se ensinar à pessoa, o evangelho e os mandamentos de Cristo, para que haja arrependimento.

A Igreja Católica Romana, diz que criancinhas pequenas podem ser batizadas e que se morrerem antes de serem batizadas serão condenadas ao inferno.
- Os ensinamentos sobre purgatório, limbo, oração aos santos, não se encontram na Bíblia. Mas são relíquias do paganismo.

Agora, há grandes diferenças teológicas entre aquilo pelo que os protestantes morreram, derramaram seu sangue por estes princípios de verdade! E o que a Igreja Católica Romana e algumas Igrejas Ortodoxas creem. E será que devemos simplesmente dizer que a verdade não importa mais? Vamos só amar uns aos outros, e assim estaremos fazendo evangelismo?

O Evangelismo tem que ser baseado na verdade!

Eu poderia começar a pregar agora, mas voltemos ao vídeo:

Tony Palmer – Agora pregamos que somos salvos de graça pela fé somente. A palavra “somente” foi o argumento por 500 anos!

Tony Palmer – A palavra “Somente” está ali, você pode ler e conferir! O Protesto acabou! (Aplausos da plateia).

Tony Palmer – Eu creio que veremos mais e mais pessoas chamadas para ir às Igrejas e trabalhar entre elas no espírito de Elias. Para voltar o coração dos pais aos filhos, e dos filhos aos pais.

Tony Palmer – Para preparar um povo, pronto para o Senhor.

Ministérios de reconciliação.

Tony Palmer – Precisamos lançar tantos recursos e energia ao ministério de reconciliação, quanto o fazemos com o ministério do evangelismo! Ou estamos construindo paredes sem fundamentos?

Tony Palmer – Eu vos desafio a encontrar um construtor de pontes, e apoiá-lo ou apoiá-la.

Tony Palmer – Eu quero fazer esta oração, e se você concorda, pode dizer amém
Oração

Tony Palmer – Esta oração é de um homem que estava morrendo e quando você sabe que vai morrer, você certamente ora as orações mais importantes:

- Eu não oro por estes somente, mas também por aqueles que crerão em mim por sua palavra, para que todos sejam um. Assim como tu Pai, está em mim e eu em TI, para que eles também sejam um em nós.

- Para que o mundo creia que me enviaste e a glória que me deste, eu tenho dado a eles.

- Para que sejam um, como nós somos um.

- Glória ao Pai, amém.

Ok, Parte da oração de Jesus, naturalmente é para que haja harmonia, para que sejamos unidos. Mas, também diz em João 17:17:  “Santifica-os na verdade, a tua palavra é a verdade”.

O que nos vai unificar é o Espírito de Deus, é o Espírito é a verdade de Deus! Os ensinamentos, Sim, estas são as palavras!

Outra vez, João 16 no mesmo livro verso 13: Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará a toda verdade. É pela verdade que teremos unidade, pelas doutrinas! É isso que une as pessoas.

Ao nos aproximarmos na teologia bíblica, nas doutrinas da verdade, nos aproximamos de Cristo, porque Jesus é a Palavra feita carne. Não é que aproximamos em um sentimento, em um carisma, ou um sentimento de glória, ao sermos batizados com o dom de línguas!

Não é isso que une a Igreja, não é isso que é unidade verdadeira!

Ele (Tony Palmer) fez bem pouca referência à palavra de Deus na verdade que nos liberta. Agora parece que ele vai exibir para a plateia o clipe do Papa:

Uma religião única. A profecia está se cumprindo!

Papa Francisco – Queridos irmãos e irmãs, me desculpem porque eu vou falar em italiano. Mas, na verdade eu não vou falar nem em italiano, nem em inglês, mas sim na linguagem do coração.

Agora, em primeiro lugar, eu imagino que a audiência ficou pasma! Quando viram o Papa aparecendo na tela. Que era de fato o Papa!  E não que não se tratava de uma carta escrita por ele! O Papa estava especificamente dirigindo-se a esta conferência.

Na verdade, no vídeo ele diz: “Enviei meu amigo Tony Palmer (um amigo de longa data), o enviei com esta mensagem”.  Isso nos faz admirar a influência que ele tem no Vaticano! E nos faz perguntar se: haverá mais desses vídeos no futuro?

E de novo, eu quero reiterar que a maior parte dos verdadeiros seguidores de Cristo, não são membros de minha igreja. Eu estou convicto que há cristãos genuínos e sinceros em várias denominações cristãs.

O próprio Papa parece ser uma pessoa maravilhosa! Ele me lembra do meu avô. A aparência é quase igual! Sério...

Mas, eu só quero me assegurar que não nos deixemos enganar! Que isso tudo não é assim tão afetuoso e íntimo como se fez parecer.

É bem possível que foi feito um script sim, até certo ponto, desta mensagem. Que houve algumas anotações que foram revisadas e que não foi gravado de maneira tão espontânea; Mas sim com um esboço.

Então esta mensagem, eu penso, foi estratégica para que haja a aparência caseira e espontânea. Mas vamos continuar assistindo:

Papa Francisco – É uma língua mais simples e mais autêntica. E esta língua do coração tem uma linguagem e uma gramática especiais...

Papa Francisco – Uma gramática simples. Duas regras: Ame a Deus acima de tudo, e ama o próximo pois é teu irmão e irmão e irmã.

Papa Francisco – E com estas duas coisas, podemos avançar.

Esta é a afirmação ouviremos dos evangelistas país afora e mundo afora e também de outros cristãos: “Não precisamos dos dez mandamentos, não precisamos do sábado”. E é verdade, os dez mandamentos se resumem em amor a Deus e amor ao próximo. Deve ser algo que vem do coração!
Mas, às vezes estes argumentos são usados para diminuir a importância de especificamente obedecer aos mandamentos de Deus. Por isso, apesar ser bonito, apesar de concordarmos que devemos amar ao Senhor e amar o próximo; Isso não deve diminuir a importância de especificamente obedecermos aos dez mandamentos.

Vamos continuar transcrevendo o vídeo do Papa:

Papa Francisco – Estou aqui com meu irmão (Bispo Tony Palmer). Somos amigos por anos!

Papa Francisco – Ele me falou do vosso encontro, da vossa conferência.

Papa Francisco – É um prazer saudá-los; Uma saudação alegre e nostálgica. Alegre porque há muita alegria por vocês estarem reunidos para louvar Jesus Cristo, o único Senhor! Para orar ao Pai e receber o Espírito!

Papa Francisco – E isso dá alegria, pois se vê que o Senhor trabalha em todo mundo!

Papa Francisco – E nostálgico, porque é como o que acontece nos nossos subúrbios; Nos nossos subúrbios existem famílias que se amam e que não se amam, famílias que se unem e famílias que se separam. E nós, somos um pouco (permitam-me usar a expressão) separados.

Portanto, ele basicamente está dizendo que: Eu vos saúdo com alegria por vocês estarem reunidos para adorar a Jesus, mas também o faço com nostalgia, ou com ansiedade (como seria no italiano), querendo dizer: “eu olho para trás, quando éramos uma só família, e temos que ser uma só família de novo”; Esta é a ênfase da mensagem.

Papa Francisco – Separados porque o pecado nos separou, o nosso pecado; Os mal entendidos na história... Uma longa estrada de pecado comunitário, e quem é culpado? Todos somos culpados! Todos somos pecadores.

Bem, para mim, esta poderia ser a maior narração incompleta do milênio! Que todos esses 30 a 50 milhões de pessoas que foram executadas pela Igreja Católica tenha sido apenas um grande mal entendido, e não sabemos quem é o culpado...

Bem, eu presumo que foi porque havia uma divergência teológica tão grande! Que as pessoas não queriam reconhecer a superioridade e autoridade da igreja. E eu não creio que eles (o Vaticano) mudaram sua opinião neste ponto.

Papa Francisco – Só há um justo, o Senhor!

Papa Francisco – Eu estou ansioso para que esta separação termine e nos dê comunhão.

Papa Francisco – Eu estou ansioso por receber aquele abraço! Do qual fala a Escritura Sagrada, quando os irmãos de José famintos! Andaram até ao Egito.

Agora o Papa faz a transição a um discurso, deveras brilhante! Falando de um abraço. Então ele faz referência à história de José, e ao falar da história de José, a imagem que provavelmente aparece na mente dos espectadores é que ele está retratando a si e a à Igreja Católica como José. Aqui José foi mal entendido e traído por seus irmãos, mas seus irmãos começaram a ficar famintos por aquilo que somente José poderia lhes dar e vieram e finalmente se prostraram perante José. E José, acabou sendo o superior deles!

Eles tinham ficado separados de seus irmãos mas eles vieram e o abraçaram no final. José abraçou seus irmãos, ele os perdoou pelo que tinham feito! Portanto, você é que decide, enquanto assiste esta pequena analogia, quem é José nessa história?

Voltemos à transcrição do vídeo do Papa:

Papa Francisco – E compraram para poder comer. Foram lá comprar, e tinham dinheiro; Mas, não podiam comer o dinheiro!

Papa Francisco – Mas ali, encontraram algo mais que comida; Encontraram seu irmão!

Papa Francisco – Todos nós temos “dinheiro”; O dinheiro da cultura, o Dinheiro da nossa história, e tanta riqueza cultural, ou religiosa, das diferentes tradições. Mas, devemos no encontrar como irmãos!

Papa Francisco – Temos que chorar juntos, como chorou José! Este choro nos une. O choro do amor...

Papa Francisco – Eu falo contigo como irmão e falo assim, de forma simples, com alegria e ansiedade. Façamos a nossa ansiedade crescer! Porque isso nos vai impulsionar a nos encontrarmos e nos abraçarmos e louvarmos a Jesus Cristo, como único Senhor da história!

Papa Francisco – Muito obrigado por me ouvir. Muito obrigado por permitir-me falar a língua do coração.

Papa Francisco – Lhes peço um favor: Orem por mim. Porque preciso da sua oração e  eu orarei por vocês! Mas, eu preciso da sua oração.

Papa Francisco – E oremos ao Senhor para que uma a todos!

Papa Francisco – E caminhemos para que sejamos irmãos, que nos demos espiritualmente este abraço, e permitamos que o Senhor termine a obra que começou.

Papa Francisco – E isto é um milagre, o milagre da união começou!

Papa Francisco – Diz um escritor italiano (Manzoni) famoso, um homem simples, do povo; Ele disse num romance a seguinte frase:  “Nunca vi que o Senhor tenha começado um milagre, sem termina-lo bem”

Papa Francisco – ELE vai terminar bem este milagre da unidade!

Bem amigos, eu tentei deixar o Papa falar sem interrupções, para que você possa captar bem a mensagem. Não posso usar palavras melhores! Há um apelo: “nos abraçamos”, “Um milagre da união”, “juntamos nossas lágrimas”, “somos todos irmãos”...

Isso é realmente um apelo para protestantes desgarrados voltarem para casa!

Aliás, quando os irmãos de José o encontraram, eles acabaram indo morar no Egito, onde José estava. Mas, deixemos o Papa terminar seu discurso:

Papa Francisco – Por favor, me abençoe, e eu te abençoarei. De irmão para irmão, um abraço, Obrigado.

FIM DO DISCURSO DO PAPA.

(Aplausos da plateia e gritos de Glória, Glória, a Deus)



Kenneth Copeland – Tony, obrigado Senhor!

Kenneth Copeland – Vamos lá, o homem (o Papa) pediu para que orássemos por ele.

Agora subiu ao palco o pastor Kenneth Copeland, que na verdade foi  discípulo do próprio Oral Roberts. Ele é provavelmente um dos maiores líderes carismáticos na América do Norte, e também é conhecido pregador da teologia da prosperidade.

Mas, é interessante que o Pr. Ken Copeland e o Papa Francisco, os dois têm 77 anos de idade, ou seja, vêm da mesma era. Depois, este salão cheio de pessoas, não leigas, mas de líderes! São todos ministros no movimento carismático, ouvindo esta mensagem do Papa, ficam de pé, aplaudem, levantam as mãos e acham que isso é maravilhoso!

Parece-me que estão abraçando a mensagem!

Vamos continuar:

Kenneth Copeland  - Pai, nós atendemos o seu pedido e já que não temos oração que chegue à altura a não ser que concordemos contigo e com seu pedido e do seu coração que bate pela unidade do corpo de Cristo. Nos reunimos na unidade de nossa fé, aleluia!

Me parece que ele (Pastor Kenneth Copeland) está concordando com o que disse o Papa, que iremos nos juntar na unidade de nossa fé.

Prossigamos com a transcrição do vídeo:

Kenneth Copeland – Portanto todos nós Pai, conforme a escritura, ao sabermos que não podemos orar como deveríamos. Oramos por ele (Papa Francisco) no espírito, recebemos o discurso do Espírito Santo. Recebemos orações de fé, nós recebemos Senhor, recebemos palavras que não nossas (Kenneth Copeland – fala em línguas por alguns minutos).

Eu não vejo nenhum exemplo na bíblia de Jesus orando assim. Quando Jesus falou que iriam falar em outras línguas, ELE quis dizer que os discípulos iriam, de forma sobrenatural falar línguas que anteriormente não conheciam ou não haviam estudado! Com o propósito de pregar o evangelho àqueles que falavam estas línguas.

Kenneth Copeland – Aleluia, aleluia... Glória, glória... Obrigado Pai, obrigado Pai... Obrigado Senhor Jesus.

Kenneth Copeland – Tony! Pegue o seu celular e venha até mim.

Kenneth Copeland – Quero que você filme uma mensagem de volta. Suba até aqui e vamos fazer desse jeito (virados para o público) para que o Papa possa ver toda esta congregação.
Então agora, isso na verdade é uma ideia brilhante para fins de marketing. Que Kenneth diz que queremos enviar uma mensagem pessoal de volta ao Vaticano, de volta ao Papa.

Tony Palmer – Vou ter que voltar ao vaticano então... kkk (risos)

Gravando um vídeo de resposta para o Papa:

Kenneth Copeland – Meu querido Senhor, muito obrigado do fundo do nosso coração. Todos esses líderes representam literalmente dezenas de milhares que te amam, que creem em Deus, juntamente contigo. E em resposta ao seu pedido, nós acabamos de orar por você (Papa Francisco) e com você. E assim, fizemos no esírito!

E cremos que recebemos de acordo com as palavras de Jesus em Marcos 11:24 “O que quer que desejais, orando, creiam que o recebereis, e será vosso”.

Nosso desejo, Senhor (Papa Francisco) no que se refere a ti, está escrito no quarto capítulo do livro de Efésios: “Até que todos cheguemos à unidade da fé e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem maduro, à medida da plenitude de Cristo” – Efésios 4:13

Obrigado Senhor (Papa Francisco), nós te abençoamos e recebemos a tua bênção. É muito importante para nós te abençoarmos com todo o nosso coração! Te bendizemos com toda a nossa alma, te bem dizemos com toda a nossa força! E te agradecemos Senhor (Papa Francisco), agradecemos a Deus por você, e assim todos nós declaramos juntos: SEJA ABENÇOADO! Outra vez: SEJA BENDITO! 

Amém...

Tony Palmer – Você terá que ir ao Vaticano comigo rsrs

Kenneth Copeland – Eu irei kkk, estou disponível, louvado seja o Senhor.

Então o Bispo Tony está convidando Kenneth Copeland par juntos irem ao Vaticano. Vai ser interessante ver se isso vai acontecer...

Outra coisa: Acho que ninguém deixou de perceber que parecem ter acolhido a mensagem do Papa, por um Unidade, uma Unificação; Dizendo: Nós queremos tua bênção, e nós queremos te abençoar.

Kenneth Copeland – A vontade de Deus se fará, amém?

Kenneth Copeland – Tony, obrigado! Gente como você, abençoou este lugar esta noite. Te amo! Te amo!

Tony Palmer – Obrigado.

Kenneth Copeland – Eu lhes disse que nunca o esqueceria (referindo-se a Tony Palmer). Eu lhes digo agora: O céu está emocionado sobre o que aconteceu aqui! (Risos)

Kenneth Copeland – Obriagado Deus!

Kenneth Copeland – Sabe o que é tão emocionante para mim?

Kenneth Copeland – Quando eu entrei no ministério há 47 anos, isso era impossível!

Isso é verdade, ele reconhece o quanto as coisas mudaram desde que ele foi ao ministério. Porque os carismáticos e pentecostais eram bem protestantes. E eles ensinavam que a besta do Apocalipse era a Igreja Católica!

As coisas mudaram radicalmente, e você pode ver isso nitidamente nos seus ensinamentos. Bem amigos, eu quero encerrar lendo algo para você; E quero sugerir que você aprofunde-se mais sobre isso (algo que está escrito no capítulo 35 do livro “O Grande Conflito”).

Vejamos se você concorda comigo, que a profecia está sendo cumprida:

O romantismo é hoje olhado pelos protestantes com muito maior favor do que anos atrás. Nos países em que o catolicismo não está em ascendência e os romanistas adotam uma política conciliatória, a fim de conquistar influência, há crescente indiferença com relação à doutrinas que separam as igrejas reformadas da hierarquia Papal.

Ganha Terreno a opinião de que, em última análise, não somos tão diferentes em pontos vitais como supunha-se; E de que uma pequena concessão de nossa parte, nos levará a melhor entendimento com Roma (Vaticano).

Houve tempo em que os protestantes, davam alto valor à liberdade de consciência, a tão elevado preço comprada!

Ensinavam os filhos a aborrecer o papado e sustentavam que buscar harmonia com Roma (Vaticano) seria deslealdade para com Deus.

Mas, quão diferentes são os sentimentos hoje expressos!

O Grande Conflito – Página 563

Amigos, hoje esta profecia está cumprida perante vossos olhos.

À Luz de todas estas coisas que estão acontecendo, eu agora sei porque Deus nos ajudou a passar por 3 anos e meio produzindo um DVD muito importante, de 90 minutos de duração. Um documentário que a Amazing Facts acabou de lançar e que se chama: Apocalipse, a Noiva, a Besta e a Babilônia.

Se você assistir este documentário, então entenderá que estes assuntos são muito importantes! E que estamos vivendo o final dos tempos!

Mas, eu quero enfatizar par encerrar: Este e simplesmente mais um marcador importante na profecia! Há muito mais para acontecer e que precisamos entender. Mas, mesmo sabendo dos detalhes da profecia, não é isso que nos vai salvar!

Precisamos ter uma relação pessoal diária com Jesus. Baseada na sua verdade, na sua palavra!

Você está estudando a palavra?

Você caminha com o Senhor?

A verdade é que a palavra vos libertará!

Precisamos orar para nos livrarmos de qualquer coisa que esteja nos segurando ou impedindo-nos de nos rendermos inteiramente a Jesus! De tomarmos nossa cruz e seguir a Cristo.

Que você escolha fazer isso hoje.

Você já se perguntou como será quando as profecias forem todas cumpridas?

O que mais você pode esperar agora? Uma mensagem pessoal do Papa para as Igrejas evangélicas?

Você acabou de ver isso agora.

Doug Batchelor
AMAZING FACTS



www.amigosdebolso.com.br